... BEM AVENTURADOS VÓS, OS POBRES, PORQUE VOSSO É O REINO DE DEUS.
(Lucas 6v20b)


  • Condições para ser discípulo de Jesus
  • Os doze apóstolos
  • A virtude
  • Jesus designa mais setenta discípulos
  • As recomendações de Jesus aos seus discípulos
  • O desapego dos bens materiais - o sucesso dos discípulos de Jesus
  • O desapego dos bens materiais - a força que expulsa os demônios



E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia
e dizendo: "Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos Céus."
Porque este é aquele de quem falou o profeta Isaías quando disse: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.
Ele, João, tinha a sua veste feita de pelos de camelo, e um cinto de couro em volta dos rins; e o seu alimento era gafanhotos e mel silvestre.
Iam ter com ele Jerusalém e toda a Judéia, e todas as vizinhanças do Jordão.
Confessavam seus pecados e eram batizados por ele nas águas do Jordão.
E ele, vendo que muitos dentre os fariseus e saduceus iam ao seu Batismo, dizia-lhes: "Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que há de vir?
Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento

e não vos iludais a vós mesmos, dizendo: Temos por pai a Abraão! Porque vos digo que Deus pode suscitar, destas pedras, filhos de Abraão.
E também, agora, está posto o machado à raiz das árvores; toda árvore, pois que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo.
E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; não sou digno de levar as suas sandálias; ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo.
Ele tem a pá na sua mão, limpará bem a sua eira e recolherá o seu trigo no celeiro, mas queimará a palha num fogo inextinguível."
Então, veio Jesus da Galiléia ter com João junto do Jordão, para ser batizado por ele.
Mas João opunha-se-lhe, dizendo: "Sou eu que devo ser batizado por ti, e tu vens a mim?"
Jesus, contudo, respondeu-lhe: "Deixa por enquanto, pois convém que cumpramos assim toda a justiça." Então lhe permitiu.
Depois que Jesus foi batizado, saiu logo da água. Eis que os céus se abriram e viu descer sobre ele, em forma de pomba, o Espírito de Deus.
E eis que uma voz dos céus dizia: “Este é o Meu Filho amado, em quem me comprazo.”

(Mateus 3:1-17)


Então, foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo Diabo.
Após ter jejuado quarenta dias e quarenta noites, sentiu fome.
E, chegando-se a ele o tentador, disse: "Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães.
Jesus, respondendo, lhe disse: "Está escrito: Não só de pão vive o homem, mas de toda a Palavra que sai da boca de Deus."
Então o Diabo o transportou à Cidade Santa, e colocou-o sobre o pináculo do Templo.
E lhe disse: "Se és Filho de Deus, lança-te daqui para baixo, porque está escrito: Confiou aos seus anjos que cuidem de ti, e eles te tomarão nas mãos, para não suceder que firas o teu pé nalguma pedra."
Disse-lhe Jesus: "Também está escrito: Não tentarás ao Senhor teu Deus."
O Diabo tornou a levar Jesus, agora para um monte muito alto. Mostrou-lhe todos os reinos do mundo e suas riquezas
E disse-lhe: "Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares."
Então Jesus lhe disse: "Vai-te Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e somente a ele prestarás culto."
Em seguida, o Demônio o deixou, e os anjos aproximaram-se dele para servi-lo.
Jesus, porém, ouvindo que João estava preso, voltou para a Galiléia.
E deixando a cidade de Nazaré, foi residir em Cafarnaum, cidade marítima nos limites de Zabulão e Neftali,
para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta, que diz:
A terra de Zabulão e a terra de Neftali, a estrada do mar, além do Jordão, a Galiléia dos gentios,
este povo, que jazia nas trevas,
viu resplandecer uma grande luz; e surgiu uma aurora para os que jaziam na região sombria da morte.
Desde então, começou Jesus a pregar e a dizer: "Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos Céus."

(Mateus 4:1-17)


Ia com ele grande multidão de povo. Voltando-se, disse-lhes Jesus:
"Se alguém vem a mim e não aborrece seu pai, sua mãe, sua mulher, seus filhos, seus irmãos, suas irmãs e até a sua vida, não pode ser meu discípulo.

(Lucas 14:25-26)


... e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)


E quem não carrega a própria cruz, e não vem atrás de mim, não pode ser meu discípulo.
Porque, qual de vós, querendo edificar uma torre, não se põe primeiro a calcular, prudentemente, os gastos que são necessários, para ver se tem com que a acabar,
para que não suceda de ter lançado os alicerces, e não ter podido concluí-la, todos os que vêem comecem a zombar dele,
dizendo: Esse homem começou a edificar e não pode terminar?
Ou então, qual é o rei que, estando para fazer guerra contra outro rei, não examina calmamente se pode, com dez mil homens, enfrentar o que lhe vem ao encontro com vinte mil?
Do contrário, enquanto aquele está ainda longe, lhe envia embaixada pedindo paz.
Assim, pois, qualquer um de vós que não renuncia a tudo o que possui, não pode ser meu discípulo.
O sal é bom. Porém, se o sal perder a força, com que outra coisa se há de temperar?
Nem para a terra, nem para adubo serve: Jogam-no fora. Quem tem ouvidos para ouvir, que ouça!"

(Lucas 14:27-35)


Naqueles dias, Jesus foi para o monte a fim de fazer oração, e passou a noite a orar a Deus.
Ao amanhecer, chamou a si os seus discípulos, e escolheu dentre eles doze, aos quais denominou apóstolos;
Simão a quem chamou Pedro, e André, seu irmão; Tiago, João, Filipe e Bartolomeu;
Mateus e Tomé; Tiago, filho de Alfeu, e Simão, o Zeloso;
Judas, irmão de Tiago, e Judas Iscariotes, que veio a ser o traidor.
E, descendo com eles, parou num lugar plano, e também um grande número de seus discípulos, e grande multidão de povo de toda a Judéia, e de Jerusalém, e da costa marítima de Tiro e de Sidom;
os quais tinha vindo para o ouvir e serem curados das suas enfermidades, como também os atormentados dos espíritos imundos. E eram curados.
E toda a multidão procurava tocar-lhe, porque saía dele virtude que curava todos.
Erguendo os olhos para os discípulos, pôs-se a dizer: "Bem aventurados vós, os pobres, porque vosso é o Reino de Deus.
Bem aventurados vós, que agora tendes fome, porque sereis fartos. Bem aventurados vós, que agora chorais, porque haveis de rir."

(Lucas 6:12-21) Jesus


Havia um homem rico, que se vestia de púrpura e de linho, e todos os dias se banqueteava esplendidamente.
Havia também um mendigo, por nome Lázaro, todo coberto de chagas, que estava deitado à porta do rico;
e que desejava fartar-se das migalhas que caíam da mesa do rico. Mas ninguém lhas dava. E os cães vinham lamber-lhe as feridas.
Ora, sucedeu morrer o mendigo, e foi levado pelos anjos ao seio de Abraão. Morreu também o rico, e foi sepultado no inferno.
E, quando estava nos tormentos do inferno, levantando os olhos, viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio.
E, clamando, disse: "Abraão, meu pai, tem misericórdia de mim e manda a Lázaro que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama."
Abraão respondeu-lhe: "Filho, lembra-te que recebeste os teus bens em vida, e Lázaro somente males. Agora ele é consolado, enquanto tu és atormentado.
E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quisessem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá, passar para cá.
O rico insistiu: "Peço-te, pai, que envies Lázaro à casa dos meus pais, pois tenho cinco irmãos;
para lhes testemunhar, que não aconteça virem também eles parar neste lugar de tormentos."
Mas Abraão respondeu: "Eles têm Moisés e os profetas; que dêem ouvidos a estes."
Disse pois o rico: "Não, pai Abraão; mas se for a eles algum dos mortos, hão de fazer penitência."

Porém Abraão lhe disse: "Se não ouvem a Moisés e aos profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos ressuscite."

(Lucas 16:19-31)


Mas ai de vós ricos! Porque já tendes a vossa consolação.
Ai de vós, os que estais fartos, porque tereis fome! Ai de vós, os que agora rides, porque vos lamentareis e chorareis!

(Lucas 6:24-25) Jesus


E, convocando os seus doze discípulos, deu-lhes virtude e poder sobre todos os demônios e para curarem enfermidades;
depois enviou-os a pregar o Reino de Deus e a curar os enfermos.
E disse-lhes: "Não leveis coisas alguma pelo caminho, nem bordão, nem alforje, nem pão, nem dinheiro, nem tenhais duas túnicas.
Em qualquer casa em que entrardes, ficai lá até ao vosso regresso.
E, se em qualquer cidade vos não receberem, saindo vós dali, sacudi o pó dos vossos pés, em testemunho contra eles."
Partindo eles, foram de aldeia em aldeia, anunciando a Boa Nova e realizando curas por toda a parte.
O tetrarca Herodes ouviu falar de tudo o que sucedia, e estava perplexo. Alguns diziam que João ressuscitara dentre os mortos.
Outros, porém, que Elias aparecera. Outros ainda, que ressuscitara algum dos antigos profetas.
Herodes disse: "João, eu o degolei. Quem será então esse, do qual ouço dizer tais coisas?" E estava ansioso por vê-lo.
E, regressando os apóstolos, contaram-lhe tudo o que tinham feito. E, tomando-os consigo, retirou-se para um lugar deserto de uma cidade chamada Betsaida.
Mas as multidões, que souberam, foram atrás dele. Jesus acolheu-a e pôs-se a falar-lhes do Reino de Deus, curando os que necessitavam de cura.
Ora, o dia começava a declinar, e os doze aproximaram-se e disseram-lhe: "Despede a multidão, para que, indo pelas aldeias e casas em redor, encontre alimento e onde pernoitar, pois aqui estamos num lugar deserto."
Disse-lhes ele: "Dai-lhes vós mesmos de comer." Retorquiram: "Só temos cinco pães e dois peixes; a não ser que vamos nós mesmos comprar comida para todo este povo!"
Porquanto estavam ali quase cinco mil homens. Disse, então, aos seus discípulos: "Fazei-os assentar, em grupos de cinquenta em cinquenta."
E assim o fizeram, fazendo-os assentar a todos.
Tomando então os cinco pães e os dois peixes, Jesus ergueu os olhos ao céu, abençoou-os, partiu-os e deu-os aos discípulos para que os distribuíssem à multidão.

(Lucas 9:1-16)


Não vos inquieteis pois com o que haveis de comer ou beber, e não andeis com o espírito preocupado.
Por que os homens do mundo é que se preocupam com todas estas coisas. Mas Vosso Pai bem sabe que precisais de tudo isso.
Buscai portanto primeiramente o Reino de Deus e a sua justiça, e tudo o mais vós será dado em acréscimo.

(Lucas 12:29-31)


E todos comeram e ficaram fartos. Do que sobrou recolheram ainda doze cestos de pedaços.

(Lucas 9:17)


E, depois disso, designou o Senhor, ainda outros setenta e mandou-os adiante da sua face, de dois em dois, a todas as cidades e lugares aonde ele havia de ir.
Disse-lhes: "Grande é a messe, mas poucos são os operários. Rogai ao Senhor da messe que mande operários para a sua messe.
Ide: eis que eu vos mando como cordeiros em meio a lobos.
Não leveis bolsa, nem alforje, nem calçado...

(Lucas 10:1-4a)


Nem sacola de viagem, nem duas túnicas, nem bastão...

(Mateus 10:10a) Jesus


Não queirais levar ouro nem prata...

(Mateus 10:9a) Jesus


... nem pão nem dinheiro no cinto.
Calçai porém sandálias...

(Marcos 6:8b-9a) Jesus


... e não vos detenhais a saudar ninguém pelo caminho.
Em qualquer casa onde entrardes, dizei primeiramente: Paz a esta casa.
Se ali houver algum filho de paz, repousará sobre ele a vossa paz; do contrário, tornará para vós.
Ficai nessa casa, comendo e bebendo do que eles tiverem, pois o trabalhador merece o seu salário.
Em qualquer cidade em que entrardes e vos receberem, comei o que se vos servir,
curai os enfermos que nela houver e dizei-lhes: Está próximo de vós o Reino de Deus.
E em qualquer cidade em que entrardes e não vos receberem, saí à praça pública e dizei:
Até o pó da vossa cidade, que se nos pegou aos pés, sacudimos contra vós; não obstante isto, sabei que o Reino de Deus está próximo.
Digo-vos que haverá menos rigor para Sodoma, naquele dia, do que para essa tal cidade.
Ai de ti, Corozaim! Ai de ti Betsaida! Pois se em Tiro e Sidônia se tivessem operado as maravilhas que foram feitas em vós, há muito tempo teriam feito penitência, cobrindo-se de cilício e de cinza.
Portanto, para Tiro e Sidom haverá menos rigor no Dia do Juízo do que para vós.
E tu, Cafarnaum, exaltada até ao céu, serás abatida até ao inferno.
O que a vós ouve, a mim ouve; e o que a vós despreza, a mim despreza, e o que me despreza, despreza aquele que me enviou."
E voltaram os setenta com alegria, dizendo: "Senhor, pelo teu NOME, até os demônios se nos sujeitam."

(Lucas 10:4b-17) Jesus


... e o NOME pelo qual se chama é a PALAVRA DE DEUS.

(Apocalipse 19:13b)


E disse-lhes: "Eu via Satanás, como raio, cair do céu."
"Eis que vos dou poder para pisar serpentes, e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum.
Mas não vos alegreis porque se vos sujeitam os espíritos; alegrai-vos, antes, por estar o vosso nome escrito nos céus."
Naquela mesma hora exultou Jesus no Espírito Santo, e disse: "Graças te dou, Pai, Senhor do Céu e da Terra, porque escondeste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos. Sim, Pai, porque assim foi do teu agrado."

(Lucas 10:18-21)



Jesus o Pão da Vida >>
Menu
Menu Principal
<< A Abominação da Desolação

^