FALTA DE CARIDADE É PECADO E PARALISA A VIDA


  • O Batismo de arrependimento de João Batista
  • Os fariseus e os saduceus não se arrependem
  • Os publicanos e as meretrizes se arrependem
  • O que Deus deseja de nós
  • O paralítico é perdoado e é curado por Jesus
  • Faltam palavras de caridade nas igrejas dos últimos tempos



E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia
e dizendo: "Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos Céus."
Porque este é aquele de quem falou o profeta Isaías quando disse: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.
Ele, João, tinha a sua veste feita de pelos de camelo, e um cinto de couro em volta dos rins; e o seu alimento era gafanhotos e mel silvestre.
Iam ter com ele Jerusalém e toda a Judéia, e todas as vizinhanças do Jordão.
Confessavam seus pecados e eram batizados por ele nas águas do Jordão.
E ele, vendo que muitos dentre os fariseus e saduceus iam ao seu Batismo, dizia-lhes: "Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que há de vir?
Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento

e não vos iludais a vós mesmos, dizendo: Temos por pai a Abraão! Porque vos digo que Deus pode suscitar, destas pedras, filhos de Abraão.
E também, agora, está posto o machado à raiz das árvores; toda árvore, pois que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo.
E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; não sou digno de levar as suas sandálias; ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo.
Ele tem a pá na sua mão, limpará bem a sua eira e recolherá o seu trigo no celeiro, mas queimará a palha num fogo inextinguível."

(Mateus 3:1-12)


E a multidão o interrogava, dizendo: "Que faremos, pois?"
Respondendo dizia-lhes: "Quem tem duas túnicas, dê uma a quem não tem. E quem tem alimentos, faça o mesmo."
E chegaram também uns publicanos, para serem batizados, e disseram-lhe: "Mestre, que devemos fazer?"
E ele lhes disse: "Não peçais mais do que aquilo que vos está ordenado."
Interrogavam-no também os soldados, dizendo: "E nós que faremos?" Ele disse-lhes: "Não façais violência a ninguém, nem denuncieis falsamente e contentai-vos com o vosso soldo."

(Lucas 3:10-14)


Clama, não cesses, levanta como trombeta a tua voz, e anuncia ao meu povo as suas maldades, e à casa de Jacó os seus pecados.
Sem dúvidas eles me procuram dia após dia, desejam conhecer o comportamento que me agrada, como uma nação que houvesse sempre praticado a justiça, sem abandonar a Lei do seu Deus.
Informam-se junto a mim sobre as exigências da justiça desejam a presença de Deus.
Por que jejuamos nós, e tu não olhaste para nós? Humilhamos as nossas almas, e tu não te deste por achado disso? É porque no dia do vosso jejum se acha a vossa vontade, e porque oprimis todos os vossos devedores.
Eis que, para contendas e debates, jejuais e para dardes punhadas impiamente; não é jejuando que fareis chegar lá em cima vossa voz.
Seria este o jejum que eu escolheria: que o homem um dia aflija a sua alma, que incline a cabeça como o junco e estenda debaixo de si pano de saco grosseiro e cinza? Chamarias a isso jejum e dia aprazível ao Senhor?
Sabeis qual é o jejum que eu aprecio? - diz o Senhor Deus: É romper as cadeias injustas, desatar as cordas do jugo, mandar embora livres os oprimidos, e quebrar toda espécie de jugo.
É repartir seu alimento com o esfaimado, dar abrigo aos infelizes sem asilo, vestir os maltrapilhos, em lugar de desviar-se de seu semelhante.
Então romperá a tua luz como a aurora, a tua saúde mais depressa nascerá, a tua justiça irá adiante da tua face, a glória do Senhor te protegerá.
Então, clamarás, e o Senhor te responderá; gritarás, e ele te dirá: Eis-me aqui; acontecerá isso se tirares do meio de ti o jugo, o estender do dedo e o falar vaidade;
e, se abrires a tua alma ao faminto e fartares a alma aflita, então, a tua luz nascerá nas trevas, e a tua escuridão será como o meio-dia.
O Senhor te guiará constantemente, alimentar-te-á no árido deserto, renovará o teu vigor. Serás como um jardim irrigado, como uma fonte de águas inesgotáveis.
Serão por ti edificados os desertos de muitos séculos; tu levantarás os fundamentos das gerações antigas e serás chamado reparador de muros o restaurador das moradias em ruínas.

(Isaías 58:1-12)


Eis o que diz o Senhor: Praticai o direito e a justiça, e livrai o oprimido das mãos do opressor. Não deixeis o estrangeiro sofrer vexames e violências, nem o órfão e a viúva, nem derrameis neste lugar sangue inocente.
Se obedecerdes fielmente a esta ordem, continuarão a passar pelas portas deste palácio os reis herdeiros do trono de Davi, montados em carros e cavalos, com seus servos e seu povo.
Mas se não ouvirdes estas Palavras, juro por mim mesmo, diz o Senhor, que esta casa será convertida num deserto.

(Jeremias 22:3-5)


Subindo então a uma barca, passou à outra margem, e foi à sua cidade.
Eis que lhe apresentaram um paralítico prostrado no leito. Jesus, vendo-lhes a fé disse ao paralítico: "Tem confiança, filho: os teus pecados te são perdoados."
Alguns escribas começaram então a dizer de si para si: "Esse homem blasfema!"
Mas Jesus, conhecendo os seus pensamentos, disse: "Por que pensais mal em vosso coração?"
Pois o que é mais fácil? Dizer ao paralítico: Perdoados te são os teus pecados, ou: Levanta-te e anda?
Todavia, para ficardes sabendo que o Filho do Homem tem na Terra poder de perdoar os pecados, - disse ao paralítico: - Levanta-te, toma o teu leito e vai para tua casa."
E, levantando-se, foi para sua casa.
Ao ver isto, a multidão ficou dominada pelo temor e glorificou a Deus, por ter dado tal poder aos homens.
Partindo Jesus dali, viu um homem que estava sentado na coletoria, chamado Mateus, e disse-lhe: "Segue-me". Ele, levantando-se, o seguiu.
Encontrando-se Jesus à mesa, na sua casa, numerosos publicanos e pecadores vieram e sentaram-se com ele e seus discípulos.
Os fariseus, vendo isto, diziam aos discípulos: "Como é que o vosso Mestre come com os publicanos e os pecadores?"Jesus, ouvindo isto, disse: "Os sãos não têm necessidade de médico, mas sim os enfermos.
Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero e não sacrifício.

Porque eu não vim para chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento.
Então se aproximaram os discípulos de João, dizendo: "Por que nós e os fariseus jejuamos com frequência, e os teus discípulos não jejuam?
Respondeu-lhes Jesus: "Podem por acaso os amigos do esposo chorar, enquanto o esposo está com eles? Dias, porém, hão de chegar, em que será tirado do meio deles o esposo; então eles farão jejum."

(Mateus 9:1-15)


Eis que vem o tempo, diz o Senhor, em que eu enviarei fome sobre a Terra; não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir a Palavra do Senhor.
Andarão errantes de um mar a outro, vaguearão do norte ao oriente; correrão por toda a parte buscando a Palavra do Senhor, e não a encontrarão.

(Amós 8:11-12)


Aquele, pois, que sabe como praticar o bem e não o pratica, comete pecado.

(Tiago 4:17) Tiago


Mas, ai de vós, escribas e fariseus hipócritas!
que fechais o Reino dos Céus aos homens, pois nem vós entrais, nem deixais que entrem os que estão para entrar.
Ai de vós escribas e fariseus hipócritas! que devorais as casas das viúvas a pretexto de longas orações; por isto sereis julgados mais severamente.
Ai de vocês doutores da Lei e fariseus hipócritas! vocês percorrem o mar e a terra para converter alguém, e quando conseguem, o tornam merecedor do inferno duas vezes mais do que vocês.
Ai de vós, condutores cegos! Pois que dizeis: "Qualquer que jurar pelo Templo, isso nada é; mas o que jurar pelo ouro do Templo, esse é devedor."
Insensatos e cegos! Pois qual é maior: o ouro ou o Templo, que santifica o ouro?
E aquele que jurar pelo altar, isso nada é; mas aquele que jurar pela oferta que está sobre o altar, esse é devedor.
Insensatos e cegos! Pois qual é maior; a oferta ou o altar, que santifica a oferta?
Pois, quem jura pelo altar, jura por ele e por todas as coisas que estão sobre ele.
E quem jura pelo Templo, jura por ele e por Aquele que aí reside.
E quem jura pelo céu, jura pelo trono de Deus e por Aquele que está sentado nele.
Ai de vós, escribas e fariseus hipócritas! Vós pagais o dízimo da hortelã, da erva-doce e do cominho, e abandonastes o que há de mais grave na Lei: a justiça, a misericórdia e a fé. Estas coisas era preciso fazer, sem omitir aquelas.
Condutores cegos, que coais um mosquito e engolis um camelo!"
Ai de vós, escribas e fariseus hipócritas! porque limpais o que está por fora do copo e do prato, dentro porém estão cheios de rapina e glutonaria.
Fariseu cego! Limpa primeiro o interior do copo e do prato, para que também o exterior fique limpo.
Ai de vós, escribas e fariseus hipócritas! porque sois semelhantes aos sepulcros branqueados, que por fora parecem formosos, mas por dentro estão cheios de ossos de mortos e de toda a podridão.
Assim também vós, por fora pareceis justos diante dos homens, dentro porém estais repletos de hipocrisia e iniquidade.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que edificais os sepulcros dos profetas e adornais os monumentos dos justos
e dizeis: "Se tivéssemos vivido no tempo de nossos pais, não teríamos manchado nossas mãos como eles no sangue dos profetas."
Testemunhais assim contra vós mesmos que sois de fato os filhos dos assassinos dos profetas.
Acabai, pois, de encher a medida de vossos pais!
Serpentes, raça de víboras! Como escapareis da condenação do inferno?
Portanto, eis que eu vos envio profetas, sábios e escribas; e a uns deles matareis e crucificareis a outros deles açoitareis nas vossas sinagogas e os perseguireis de cidade em cidade,
a fim de que sobre vós caia todo o sangue inocente que tem sido derramado sobre a Terra, desde o sangue do justo Abel ao sangue de Zacarias filho de Baraquias, que matastes entre o santuário e o altar.
em verdade vós digo que todas essas coisas hão de vir sobre esta geração.
Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas os que te são enviados! Quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e tu não quisestes!
Eis que a vossa casa vos ficará deserta.
Porque eu vos digo que, desde agora, me não vereis mais, até que digais: "Bendito o que vem em nome do Senhor!"

(Mateus 23:13-39) Jesus


... e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)



Não Furtarás >>
Menu
Menu Principal
<< Deus é Amor

^