FRUTOS MADUROS


  • O tempo
  • O amadurecimento da Palavra de Deus
  • A maldade dos povos sinal do fim dos tempos
  • Jesus - A Palavra de Deus - prestes a voltar



Dizia também: "O Reino de Deus é como um homem que lança a semente à terra.
Dorme, levanta-se, de noite e de dia, e a semente brota e cresce, sem ele o perceber.
Pois a terra por si mesma produz, primeiro a planta, depois a espiga e, por último, o grão abundante na espiga.
Quando o fruto amadurece, ele mete-lhe a foice, porque é chegada a colheita."

(Marcos 4:26-29)


Aplicai os ouvidos para ouvir minha voz, sede atentos para escutar Minha Palavra!
Porventura o lavrador lavrará sempre, a fim de semear? Estará ele incessantemente rompendo e sachando a terra?
Porventura depois de ter aplanado a superfície dela, não semeará a nigela, espalhará os cominhos, lançará o trigo, a eito, a cevada, o milho e a alfarroba dos seus respectivos lugares?
O seu Deus o ensina e o instrui acerca do que há de fazer.
Não será debulhada a nigela com trilho armado de dentes de ferro, nem rodará a roda do carro por cima dos cominhos, mas a nigela será sacudida com uma vara, e os cominhos com um pau.
O trigo será debulhado, mas não debulhará interminavelmente o que o debulha. Uma vez que sobre ele passe a roda do carro, joeira-se sem triturá-lo.
Isto veio do Senhor dos Exércitos, para tornar admiráveis os seus conselhos e engrandecer a sua justiça.

(Isaías 28:23-29)


Porque para sempre não contenderei, nem continuamente me indignarei; porque o espírito perante a minha face se enfraqueceria, e as almas que eu fiz.

(Isaías 57:16)


Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou.
Tempo de matar e tempo de curar; tempo para demolir, e tempo para construir.
Tempo de chorar e tempo de rir; tempo de praticar e tempo de dançar.
Tempo para atirar pedras, e tempo para ajuntá-las; tempo para dar abraços, e tempo para apartar-se.
Há tempo de adquirir e tempo de perder; há tempo de guardar e tempo de lançar fora.
Tempo para rasgar, e tempo para costurar; tempo de estar calado e tempo de falar.
Há tempo de amor e tempo de ódio; há tempo de guerra e tempo de paz.
Que vantagem tem o trabalhador naquilo em que trabalha?

(Eclesiastes 3:1-9) Salomão


... Levantai os olhos e contemplai os campos que estão brancos para a colheita.
Quem colhe, já recebeu a recompensa e junta para a vida eterna, a fim de que se alegrem de igual modo quem colhe e quem semeia.
Pois, nisso verifica-se este provérbio: Um semeia e outro colhe.

(João 4:35b-37) Jesus


O Senhor Deus mostrou-me ainda outra visão: Vi uma cesta de frutos maduros.
"Que vês tu, Amós?" perguntou-me ele - "Uma cesta de frutos maduros," respondi. Ele replicou: "Chegou o fim sobre o meu povo..."

(Amós 8v1-2a)


E dizia também a multidão: “Quando vedes a nuvem que vem do ocidente, logo dizeis: Lá vem chuva; e assim sucede.
E quando assopra o vento sul, dizeis: Haverá calma; e assim sucede.
Hipócritas, sabeis distinguir os aspectos da terra e do céu; como, pois não sabeis reconhecer o tempo presente?”
E por que não julgais também por vós mesmos o que é justo?

(Lucas 12:54-57) Jesus


Metei a foice, a messe está madura; vinde pisar, o lagar está cheio; as cubas transbordam - porque é imensa a maldade dos povos.

(Joel 4:13)


E se levantarão numerosos falsos profetas, e seduzirão a muitos.
E por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos se esfriará.
Mas aquele que perseverar até o fim será salvo
E este Evangelho do Reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as gentes, e então virá o fim.

(Mateus 24:11-14) Jesus


E vi outro anjo forte, que descia do céu, vestido de uma nuvem; e por cima da sua cabeça estava o arco celeste, e o rosto era como o sol, e os pés, como colunas de fogo;
segurava na mão um pequeno Livro aberto. Pôs o pé direito sobre o mar, o esquerdo sobre a terra
e clamou com grande voz, como quando brama o leão; e, havendo clamado, os sete trovões fizeram soar as suas vozes.
Depois que os trovões fizeram ouvir as suas vozes, eu dispunha-me a escrevê-las, mas ouvi uma voz do céu que me dizia: "Sela as Palavras dos sete trovões e não as escrevas."
E o anjo que vi estar sobre o mar e sobre a terra levantou a mão ao céu
e jurou por aquele que vive para todo o sempre, o qual criou o céu e o que nele há, e a terra e o que nela há, e o mar e o que nele há, que não haveria mais demora;

mas nos dias da voz do sétimo anjo, quando tocar a sua trombeta, se cumprirá o segredo de Deus, como anunciou aos profetas seus servos.
E a voz que eu do céu tinha ouvido tornou a falar comigo e disse: "Vai e toma o Livrinho aberto da mão do anjo que está em pé sobre o mar e sobre a terra.
E fui ao anjo, dizendo-lhe: "Dá-me o Livrinho." E ele disse-me: "Toma-o e come-o, e ele fará amargo o teu ventre, mas na tua boca será doce como mel."
E tomei o Livrinho da mão do anjo e comi-o; e na minha boca era doce como mel; e, havendo-o comido, o meu ventre ficou amargo.
E disse-me: "É necessário que ainda profetizes a muitas nações, povos línguas e reis."

(Apocalipse 10:1-11)


Depois vi outro anjo voando pelo meio do céu, que tinha o Evangelho Eterno, para pregar aos habitantes da Terra, a toda a nação, tribo, língua e povo,
dizendo em alta voz: "Temei ao Senhor e dai-lhe glória, porque é chegada a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, a terra, o mar e as fontes das águas."

(Apocalipse 14:6-7)


Olhei ainda e vi: Uma nuvem branca sobre a qual estava sentado alguém parecido a um filho de homem. Tinha uma coroa de ouro na cabeça e uma foice afiada na mão.
Um outro anjo saiu do Templo gritando em alta voz ao que estava sentado sobre a nuvem: "Lança a tua foice e ceifa, porque chegou a hora da ceifa, e a seara da Terra já está madura."
Então, aquele que estava sentado sobre a nuvem lançou a foice sobre a Terra e a Terra foi ceifada.
Depois saiu do Templo que está no céu um outro anjo, que também tinha uma foice afiada.
E saiu do altar outro anjo, que tinha poder sobre o fogo, e gritou em alta voz àquele que tinha a foice afiada: "Lança a foice afiada e vindima os cachos da vinha da Terra, porque as suas uvas já estão maduras."
O anjo lançou a foice à Terra, vindimou as uvas da vinha e lançou-as no grande lagar da ira de Deus.
O lagar foi pisado fora da cidade, e dele saiu sangue que subiu até a altura do freio dos cavalos, numa extensão de trezentos quilômetros.

(Apocalipse 14:14-20)


A Palavra do Senhor foi-me dirigida nestes termos:
"Filho do homem, dirige-te a teus compatriotas e dize-lhes: quando eu erguer a espada contra uma terra, e seus habitantes escolherem um dentre eles para ser sentinela,
suposto que esse homem, vendo vir a espada, faça soar a trombeta para dar alarme à população.
Se alguém ouve a trombeta, e não fica de prontidão, a espada virá e o apanhará. E ele será responsável pelo seu próprio sangue,
porque ouviu o toque da trombeta, mas não se preveniu, e terá que responder com seu próprio sangue, se tivesse ficado de prontidão, teria salvado a própria vida.
Ouviu o soar da trombeta e todavia não tomou precaução - é ele responsável pelo que lhe advier. Mas aquele que levou em consideração o alarme, esse terá salva a sua vida.
Mas, a sentinela vir que vem a espada e não tocar a trombeta, e o povo se não puser a salvo, e vier a espada, e tirará a vida a um deles; este tal foi por certo surpreendido na sua iniquidade, mas eu pedirei contas do seu sangue à sentinela."

(Ezequiel 33:1-6)


Sabei antes de tudo o seguinte; nos últimos tempos virão escarnecedores cheios de zombaria, que viverão segundo as suas próprias concupiscências.
Eles dirão: "Onde está a promessa de sua vinda? Desde que nossos pais morreram, tudo continua desde o princípio do mundo."
Isto porém, é porque eles ignoram voluntariamente que os céus já existiam, e a terra foi tirada da água, e pela água subsiste, na Palavra de Deus.
E que, por essas mesmas causas, o mundo de então pereceu afogado.
Mas os céus e a Terra que agora existem, serão pela mesma Palavra reservados cuidadosamente para o fogo no dia do julgamento e da ruína dos homens ímpios.
Mas existe uma coisa, caríssimos, que não deveis ignorar. Um dia diante do Senhor é como mil anos, e mil anos, como um só dia.
O Senhor não retarda a sua promessa, como alguns pensam, mas usa de paciência para convosco. Não quer que ninguém pereça, mas que todos se arrependam.
Mas o Dia do Senhor virá como o ladrão de noite, no qual os céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a Terra e as obras que nela há se queimarão.
Visto como todas estas coisas hão de ser destruídas, quais vos convém ser em santidade de vida e em piedade,
aguardando e apressando-vos para a vinda do Dia de Deus, em que os céus, em fogo, se desfarão, e os elementos, ardendo, se fundirão?
Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova Terra, em que habita a justiça.
Por isso, irmãos, durante este tempo de espera, esforcem-se para que Deus os encontre sem mancha e sem culpa, vivendo em paz.
Considerem que a paciência de Deus para conosco tem em vista a nossa salvação...

(2Pedro 3v3-15a) Pedro


Vós que habitais o mundo e povoais a Terra, quando o estandarte se erguer nas alturas, olhai. E quando soar a trombeta, ouvi!
Pois eis o que o Senhor me disse: Eu olho com serenidade do lugar onde me encontro, como o calor suave de um dia luminoso, como a nuvem que dá o orvalho durante o calor da messe.
Pois antes da colheita das uvas, ao terminar a florada, quando as uvas granadas começarem a amadurecer, seus ramos serão cortados com a foice podadeira e seus brotos serão arrancados.
Tudo será abandonado aos urubus dos montes e às feras selvagens. No verão, sobre eles estarão as aves de rapina, e sobre eles todas as feras selvagens passarão o inverno.

(Isaías 18:3-6)


O Senhor Deus dos Exércitos convidar-vos-á naquele dia ao gemido, ao pranto, a rapar a cabeça e a vestir-se de saco;
e eis que tudo se destina à alegria e ao prazer; matam bois, degolam carneiros, comem carne e bebem vinho: "Comamos e bebamos, porque amanhã morreremos!"
Porém o Senhor dos Exércitos revelou-me: "Jamais este crime será perdoado sem que sejais mortos." Oráculo do Senhor, Deus dos Exércitos.

(Isaías 22:12-14)


Foi-me dirigida a Palavra do Senhor, a qual dizia:
"Filho do homem, que ditado é este que vós tendes na terra de Israel, dizendo: Os dias vão passando e a visão não se realiza!
Pois bem! Diga-lhes: Assim diz o Senhor Javé. Acabarei com esse ditado, e ninguém mais vai repeti-lo em Israel. Diga para eles este outro ditado:
O dia está chegando e a visão vai se realizar.
Porque não será vã daqui em diante visão alguma, nem haverá predição ambígua entre os filhos de Israel.
Porque sou eu, o Senhor, que falo: o que eu digo sucederá sem mais delongas. É em vosso tempo, raça de rebeldes, que proferirei o oráculo e o executarei" - Oráculo do Senhor Javé.
Veio mais a mim a Palavra do Senhor, dizendo:
"Filho do homem, dizem os israelitas: a visão do profeta não diz respeito senão a um longínquo futuro, ele profetiza para tempos remotos.
Portanto dize-lhes: Assim diz o Senhor Jeová: Não será mais retardada nenhuma das Minhas Palavras, e a Palavra que falei se cumprirá, diz o Senhor Jeová."

(Ezequiel 12:21-28)


Quanto, porém, ao tempo e ao momento não temos necessidade, irmãos, que vos escrevamos,
porque vós mesmos sabeis muito bem que o Dia do Senhor virá como o ladrão de noite.
Pois que, quando disserem: "Há paz e segurança," então, lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida; e de modo nenhum escaparão.
Mas vós, irmãos, não estais em trevas, de modo que esse dia vos surpreenda como um ladrão.
Porque todos vós sois filhos da luz e filhos do dia: nós não somos filhos da noite nem das trevas.
Não durmamos, pois, como os outros, mas vigiemos e sejamos sóbrios.
Os que dormem, dormem de noite; e os que se embriagam, embriagam-se de noite.
Nós, ao contrário, que somos do dia, sejamos sóbrios. Tomemos por couraça a fé e a caridade, e por capacete a esperança da salvação.
Pois Deus não nos destinou para a ira, mas para alcançar a salvação, por Nosso Senhor Jesus Cristo.
Ele morreu por nós, a fim de que nós, quer em estado de vigília, quer de sono, vivamos em união com ele.
Pelo que exortai-vos uns aos outros e edificai-vos uns aos outros, como já o fazeis.

(1Tessalonicenses 5:1-11) Paulo


O sol se converterá em trevas, e a lua, em sangue, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor.

(Joel 2:31(3:4)


... a profecia, porém, não é sinal para os incrédulos, mas para os crentes.

(1Coríntios 14:22b) Paulo


Para que vos lembreis das palavras que dantes foram ditas pelos santos profetas, e do Mandamento do Senhor e Salvador, dado mediante os vossos apóstolos.

(2Pedro 3:2) Pedro


Porque a visão é ainda para o tempo determinado, e até o fim falará, e não mentirá; se tardar; espera-o, porque certamente virá, não tardará.

(Habacuque 2:3)


Dizia ele: "A quem compararemos o Reino de Deus? Ou com que parábola o representaremos?
É como o grão de mostarda que, quando é semeado, é a menor de todas as sementes.
Mas, depois de semeado, cresce, torna-se maior que todas as hortaliças e estende de tal modo os seus ramos, que as aves do céu podem abrigar-se à sua sombra."

(Marcos 4:30-32)



A Ressurreição de Jesus >>
Menu
Menu Principal
<< O Reino dos Céus

^