JESUS PURIFICA O TEMPLO pg 2



E, ao terceiro dia, fizeram-se umas Bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus.

(João 2:1)


Tornou Jesus a falar-lhes em parábola, dizendo:
"O reino de Deus é semelhante a um rei, que fez as núpcias de seu Filho.
Mandou os seus servos chamar os convidados para as bodas, mas eles não quiseram comparecer.
De novo mandou outros servos ordenando-lhes: Dizei aos convidados: A comida está pronta; abateram-se os meus bois e os meus cevados, tudo está preparado. Vinde às bodas.
Porém eles não fazendo caso, foram, um para o seu campo, e outro para o seu negócio;
outros, porém lançaram mãos dos servos que ele enviara, e, depois de os haverem ultrajado, os mataram.
O rei, tendo ouvido isto, irou-se, e, mandando os seus exércitos, exterminou aqueles homicidas, e pôs fogo à sua cidade.
Então disse aos servos: As Bodas com efeito estão preparadas, mas os que tinham sido convidados não eram dignos.
Ide, pois, às saídas dos caminhos e convidai para as bodas a todos os que encontrardes.
Tendo saído os seus servos pelas ruas, reuniram todos os que encontraram, maus e bons; e ficou cheia de convidados a sala do banquete das bodas.
Entrou depois o rei para ver os que estavam à mesa, e viu lá um homem que não estava vestido com veste nupcial.
E disse-lhe: Amigo, como entraste aqui sem ter a veste nupcial? Este porém ficou calado.
Então disse o rei aos seus servos: Atai-o de pés e mãos, e lançai-o nas trevas exteriores; aí haverá pranto e ranger dos dentes.
Muitos de fato são os chamados, poucos porém os escolhidos."

(Mateus 22:1-14)


E indo ele assentar-se no Monte das Oliveiras, achegaram-se os discípulos e, estando a sós com ele, perguntaram-lhe: "Quando acontecerá isto? E qual será o sinal de tua volta e do fim do mundo?"
E Jesus, respondendo, disse-lhes: "Acautelai-vos, que ninguém vos engane,
porque muitos virão em MEU NOME, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.

(Mateus 24:3-5)


... e o NOME pelo qual se chama é a PALAVRA DE DEUS.

(Apocalipse 19:13b)


Então, retirando-se os fariseus, consultaram entre si como o surpreenderiam em alguma palavra.
E lhe enviaram os próprios discípulos juntamente com os herodianos, para lhe dizerem: "Mestre, sabemos que tu és franco, e que ensinas o caminho de Deus na verdade, e não tens receio de ninguém, porque não fazes distinção de pessoas.
Dize-nos, pois, que te parece: é lícito pagar o tributo a César ou não?"
Jesus, percebendo a sua malícia, respondeu: "Por que me tentais hipócritas?
Mostrai-me a moeda do tributo." Eles lhe apresentaram um denário.
Perguntou Jesus: "De quem é esta imagem e esta inscrição?"
Responderam-lhe eles: "De César." Então lhes disse Jesus: "Pois dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus."
Tendo ouvido isto, admiraram-se, e, deixando-o, retiraram-se.

(Mateus 22:1-22)


Foi então Jesus para as regiões de Cesaréia de Filipe. E interrogou a seus discípulos: "Quem dizem os homens que é o Filho do Homem?"
Eles responderam: "Uns dizem que é João Batista, outros que é Elias, outros que é Jeremias ou algum dos profetas."

(Mateus 16:13-14)


Naquele mesmo dia foram a ele os saduceus, que afirmam não haver ressurreição, e lhe fizeram esta pergunta:
"Mestre Moisés disse: Se algum homem morrer sem filhos, o seu irmão se casará com a viúva, sua cunhada, para suscitar descendência ao irmão.
Ora, havia entre nós sete irmãos. O primeiro casou-se e morreu. Como não tinha filhos, deixou sua mulher ao seu irmão.
O mesmo sucedeu ao segundo, depois ao terceiro, até o sétimo;
por fim, depois de todos, morreu também a mulher.
Na ressurreição, pois, de qual dos sete será a mulher, porque todos foram casados com ela?"
Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: "Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus.
Porque na ressurreição, nem casam, nem são dados em casamento; mas serão como os anjos nos céus.
Quanto à ressurreição dos mortos, não lestes o que Deus vos disse:
Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó? Ora, Deus não é Deus dos mortos, mas dos vivos."

(Mateus 22:23-32)


Os ídolos dos pagãos não passam de prata e ouro; são obras de mãos humanas.
têm boca e não podem falar; têm olhos e não podem ver;
Têm ouvidos e não podem ouvir. Não há respiração em sua boca.
Semelhantes a eles se tornem os que os fazem, e todos os que confiam neles.

(Salmos (134)135:15-18)


Disse-lhes Jesus: "E vós, quem dizeis que eu sou?"
Simão Pedro, respondendo, disse: "Tu és o Cristo, o Filhos do Deus vivo!"
E Jesus, respondendo, disse-lhe: "Bem aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue quem to revelou, mas Meu Pai, que está nos céus.
Por isso eu também te digo: Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a Minha Igreja, e as portas do inferno jamais prevalecerão contra ela.”
A ti darei As Chaves do Reino dos Céus: Tudo o que ligares na Terra, ficará ligado nos céus. E Tudo o que desligares na Terra ficará desligado nos céus.
Então ordenou a seus discípulos que não dissessem a ninguém que ele era o CRISTO.

(Mateus 16:15-20)


... e tinha um nome escrito que ninguém sabia, senão ele mesmo.
E estava vestido de uma veste salpicada de sangue, e o nome pelo qual se chama é a PALAVRA DE DEUS.

(Apocalipse 19:12b-13)


E o povo, ouvindo isto, admirava-se da sua doutrina.
E os fariseus, ouvindo que ele fizera emudecer os saduceus, reuniram-se no mesmo lugar.
E um deles, que era doutor da Lei, perguntou-lhe; com intenção de o pôr à prova:
"Mestre, qual é o maior Mandamento na Lei?"
Disse-lhe Jesus: "Amarás ao Senhor teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.
Este é o maior e o primeiro Mandamento.
Semelhante a este, é o segundo: "Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
Desses dois Mandamentos dependem toda a Lei e os profetas."
E estando juntos os fariseus, lhes fez Jesus esta pergunta,
dizendo: "Que pensais vós do Cristo? De quem é filho?" Eles disseram-lhe: "De Davi."
Replicou Jesus: "Pois então, como é que Davi, inspirado, o chama Senhor, quando diz:
Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por escabelo de teus pés.
Se pois, Davi o chama Senhor, como é ele seu filho?"

(Mateus 22:33-45)


Respondeu-lhes Jesus: "O Meu reino não é deste mundo..."

(João 18:36a)


E ninguém pôde responder-lhe nada. E depois daquele dia, ninguém mais ousou interrogá-lo.

(Mateus 22:46)


Desde então começou Jesus a manifestar a seus discípulos que devia ir a Jerusalém, padecer muitas coisas dos anciãos, dos príncipes dos sacerdotes e dos escribas, ser morto e ressuscitar ao terceiro dia.
E Pedro, tomando-o de parte, começou a repreendê-lo, dizendo: “Senhor, tem compaixão de ti; de modo nenhum te acontecerá isso."
Ele, voltando-se para Pedro, lhe disse: “Retira-te de mim, Satanás, que me és de escândalo, porque não tens o gosto das coisas que são de Deus, mas das que são dos homens.”
Então disse Jesus aos seus discípulos: "Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.
Porque aquele que quiser salvar a sua vida perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim achá-la-á.
Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?
Porque o Filho do Homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e, então, dará a cada um segundo as suas obras.
Em verdade vos digo que alguns há, dos que aqui estão, que não provarão a morte até que vejam vir o Filho do Homem no seu Reino."

(Mateus 16:21-28)


E ao sair Jesus do Templo, disse-lhe um de seus discípulos: "Olha Mestre, que pedras, e que construção!"
Respondeu-lhe Jesus: "Vês todas essas grandes construções? Não será deixada pedra sobre pedra que não seja destruída."

E estando sentado no Monte das Oliveiras, em frente ao Templo, Pedro, Tiago e João perguntaram-lhe em particular:
"Dize-nos quando sucederão estas coisas? E que sinal haverá, quando tudo isto estiver para se cumprir?"
Jesus começou a dizer-lhes: "Acautelai-vos para que ninguém vos iluda.
Surgirão muitos com o MEU NOME, dizendo: Sou eu; e seduzirão a muitos."

(Marcos 13:1-6)


... e o NOME pelo qual se chama é a PALAVRA DE DEUS.

(Apocalipse 19:13b)


Quando ouvirdes falar de guerras e de rumores de guerra, não temais; porque é necessário que estas coisas aconteçam, mas não será ainda o fim.
Realmente, levantar-se-á nação contra nação, e reino contra reino. Haverá terremotos em muitos lugares; haverá carestias. Isso tudo, porém será apenas o início das dores.
Tende cuidado de vós mesmos! Porque hão de entregar-vos a tribunais, e nas sinagogas sereis flagelados; e sereis apresentados ante governadores e reis, por amor de mim, para lhes servir de testemunho.
Porém, é preciso, antes, que o Evangelho seja pregado a todas as nações."
Quando, pois, vos conduzirem para vos entregarem, não estejais solícitos de antemão pelo que haveis de dizer; mas o que vos for dado naquela hora, isso falai; porque não sois vós os que falais, mas o Espírito Santo.
O irmão entregará à morte o irmão, e o pai, o seu filho; os filhos se erguerão contra os pais e hão de causar-lhes a morte.
E vós sereis odiados por todos, por causa do MEU NOME. Mas quem tiver perseverado até o fim, esse será salvo.

(Marcos 13:7-13) Jesus


... e o NOME pelo qual se chama é a PALAVRA DE DEUS.

(Apocalipse 19:13b)


Depois vi outro anjo voando pelo meio do céu, que tinha o Evangelho Eterno, para pregar aos habitantes da Terra, a toda a nação, tribo, língua e povo,
dizendo em alta voz: "Temei ao Senhor e dai-lhe glória, porque é chegada a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, a terra, o mar e as fontes das águas."

(Apocalipse 14:6-7)


Seguiu-se a estes um terceiro anjo, dizendo em alta voz: "Se alguém adorar a Besta e a sua imagem, e receber o sinal dela na sua testa ou na sua mão,
beberá também o vinho da ira de Deus, derramado, sem mistura, no cálice da sua ira e será atormentado, pelo fogo e pelo enxofre, diante dos santos anjos e diante do Cordeiro.
E a fumaça do seu tormento subirá pelos séculos dos séculos. Os que adoram a Besta e a sua imagem e aquele que receber o sinal do seu nome, não terão repouso, nem de dia nem de noite.

(Apocalipse 14:9-11)


Quando virdes a abominação da desolação no lugar onde não deve estar - o leitor entenda - então os que estiverem na Judéia fujam para os montes;
quem estiver no terraço, não desça em casa, nem entre para pegar coisa alguma de sua casa;
e o que estiver no campo, que não volte atrás, para tomar a sua veste.
Ai das mulheres que naqueles dias estiverem grávidas e amamentando!
Rogai, pois, que não sucedam estas coisas no inverno.
Porque naqueles dias haverá tribulações tais, como não as houve desde o princípio do mundo que Deus criou até agora, nem haverá jamais.
De sorte que o Senhor não abreviasse aqueles dias, nenhuma pessoa se salvaria. Mas ele os abreviou em atenção aos eleitos que escolheu.
E, então, se alguém vos disser: "Eis aqui o Cristo," ou: "Ei-lo ali," não acrediteis.
Porque se levantarão falsos cristos e falsos profetas e farão sinais e prodígios, para enganarem, se possível, até os escolhidos.
Vós, portanto, acautelai-vos; de tudo vos preveni.
Mas naqueles dias, depois daquela tribulação, o sol se escurecerá, e a lua não dará seu resplendor;
as estrelas do céu cairão, e as potências que há no firmamento serão abaladas.
Então verão o Filho do Homem vir sobre as nuvens, com grande poder e glória.
E ele enviará os seus anjos e ajuntará os seus escolhidos, desde os quatro ventos, da extremidade da Terra até a extremidade do céu.
Aprendei, pois, a parábola da figueira: quando já o seu ramo se torna tenro, e brotam folhas, bem sabeis que já está próximo o verão.
Assim também quando virdes acontecer estas coisas, sabei que está perto às portas.
Em verdade vos digo: Não há de passar esta geração enquanto isso tudo não tiver acontecido.
Passará o céu e a Terra, mas as Minhas Palavras não passarão.
A respeito, porém, deste dia, ou desta hora, ninguém sabe quando há de ser, nem os anjos do céu, nem o Filho, mas somente o Pai.
Estai de sobreaviso, vigiai, porque não sabeis quando será o tempo.
É como um homem que partiu de viagem: Ao deixar a sua casa, delegou a autoridade aos servos, atribuiu a cada um a sua tarefa e ordenou ao porteiro que vigiasse.
Vigiai, pois, porque não sabeis quando virá o dono da casa, se à tarde, se pela manhã;
para que, vindo de repente, não vos encontre dormindo.
O que eu porém digo a vós, o digo a todos: Vigiai.

(Marcos 13:14-37)



A Morte de Herodes >>
Menu
Menu Principal
<< Página 1

^