NÃO SE ILUDAM


  • Os falsos profetas não acreditam nos castigos iminentes
  • Os falsos profetas profetizam de acordo com seus interesses
  • Oráculo contra os falsos profetas
  • Deus entregará o santuário e o seu povo aos seus inimigos



Eis o que diz o Senhor Meu Deus:
"Apascenta estas ovelhas destinadas ao matadouro, que são compradas impunemente, cujos vendedores dizem: Bendito seja o Senhor! Eis que estou rico! - sem que nenhum pastor tenha compaixão delas.
Certamente não terei mais piedade dos moradores desta Terra, diz o Senhor..."

(Zacarias 11:4-6a)


Porquanto perversos se encontram no seio do meu povo, que espreitam, de tocaia, como caçadores de pássaros, armando laços para apanhar os homens.
A semelhança de uma gaiola cheia de pássaros, assim estão suas casas repletas de suas presas. Por esta forma tornam-se ricos e poderosos.
Engordaram e engrossaram, e transgrediram perversissimamente os meus preceitos. Não defenderam a causa da viúva, não encaminharam a causa do órfão, nem fizeram justiça aos pobres.
Porventura não hei de eu punir estes excessos, diz o Senhor e não me hei de vingar duma tal gente?
Coisa espantosa e horrenda se anda fazendo na Terra.
Os profetas profetizaram a mentira, e os sacerdotes aplaudiam-nos com suas mãos, e o meu povo amou essas coisas. Que castigo não virá, pois, sobre esta gente no fim de tudo isto?

(Jeremias 5:26-31)


Os terafins deram falsos oráculos, os adivinhos só tiveram visões mentirosas; contam sonhos vãos, e suas consolações são inúteis. Por isso, o povo desgarrou-se como um rebanho e se pôs a vagar por falta de pastor.
Minha cólera inflama-se contra os pastores, meu castigo vai cair sobre os bodes...

(Zacarias 10:2-3a)


Animais todos do campo, feras do bosque, vinde para devorar.
As suas sentinelas estão todas cegas, todas se mostraram ignorantes; são cães mudos, que não podem ladrar, que vêem coisas vãs, que dormem, e que amam os sonhos.
E estes cães são gulosos, não se podem fartar; e eles são pastores que nada compreendem; todos eles se tornam para o seu caminho, cada um para sua ganância, cada qual segue seu caminho em busca de seu interesse.
Vinde, bebamos vinho, enchamo-nos até à embriagues; e, como hoje, assim faremos também amanhã, e ainda muito mais.

(Isaías 56:9-12)


Entre os vossos filhos, suscitei profetas, e, entre os vossos jovens, escolhi homens consagrados. Não foi assim, ó filhos de Israel? - Oráculo de Javé.
No entanto vocês embriagaram os homens consagrados e taparam a boca dos profetas.
Eis que vou calcar-vos, como calca (a terra) um carro carregado de feno.
O homem ágil não poderá fugir, o forte debalde fará os seus esforços, o valente não salvará a sua vida;
o arqueiro não poderá resistir, nem o homem de pés ligeiros poderá escapar, nem o cavaleiro salvará sua vida,
o mais corajoso entre os valentes fugirá nu naquele dia, diz o Senhor.

(Amós 2:11-16)


E sucedeu que, ao fim de sete dias, veio a Palavra do Senhor a mim, dizendo:
Filho do homem, estabeleço-te como sentinela na casa de Israel. Logo que escutares um oráculo saindo de minha boca, tu lho transmitirás de minha parte.
Se, dizendo eu ao ímpio: Infalivelmente morrerás, tu lho não anunciares, e não lhe falares, para que ele se retire do seu caminho ímpio e viva, este ímpio morrerá na sua iniquidade, mas eu requererei da tua mão o seu sangue.
Se, porém, avisares o ímpio, e ele se não converter da sua impiedade e do seu mau caminho, morrerá ele por certo na sua iniquidade, mas tu livraste a tua alma.
Do mesmo modo, se o justo deixar a sua justiça e cometer a iniquidade, eu porei diante dele uma pedra de tropeço; ele morrerá, porque tu lho não advertiste; morrerá no seu pecado e apagar-se-á a lembrança de todas as ações de justiça que praticou, mas eu requererei da tua mão o seu sangue.
Mas, avisando tu o justo, para que o justo não peque, e ele não pecar, certamente viverá, porque foi avisado; e tu livraste a tua alma.

(Ezequiel 3:16-21)


E, agora, ó sacerdotes, este Mandamento vos toca a vós.
Se o não ouvirdes e se não propuserdes no vosso coração dar honra ao Meu Nome, diz o Senhor dos Exércitos, enviarei a maldição contra vós e amaldiçoarei as vossas bênçãos; e já as tenho amaldiçoado, porque vos não pondes isso no coração.
Eis que vou abater o vosso braço, espalhar-vos esterco no rosto - o esterco de vossas festas - e sereis lançados fora com ele.
Então sabereis que fui eu que vos mandei esta ordem, para que a Minha Aliança com Levi subsistisse, diz o Senhor dos Exércitos.
A Minha Aliança com ele foi de vida e de paz. Dei-lhe o meu temor, ele temeu-me e tremia de medo diante da face do Meu Nome.
A Lei da verdade esteve na sua boca e a iniquidade não se achou nos seus lábios; andou comigo em paz e em equidade, e afastou muitos da iniquidade.
Porque os lábios do sacerdote guardavam o conhecimento, e de sua boca se procurava o ensinamento, pois ele é o mensageiro do Senhor dos Exércitos.
Mas vós vos desviastes do caminho, a muitos fizestes tropeçar na Lei; tornastes nula a Aliança que eu tinha feito com Levi, diz o Senhor dos Exércitos.
Por isso, eu vos tornei desprezíveis e abjetos aos olhos de todo o povo, porque não guardastes os Meus Mandamentos e foram parciais ao ensinar.
Porventura não é um mesmo o Pai de todos nós? Não foi um mesmo Deus que nos criou? Por que razão, pois, despreza cada um de nós o seu irmão, violando a Aliança de nossos pais?

(Malaquias 2:1-10)


... porque o Senhor vai entrar em juízo com os habitantes desta Terra; porque não há verdade, nem misericórdia, nem há conhecimento de Deus nesta Terra.
A maldição, a mentira, o homicídio, o furto e o adultério inundam tudo e têm derramado sangue sobre sangue.
Por isso a Terra cobrir-se-á de luto e todo o que nela habita cairá em desfalecimento, com os animais do campo e as aves do céu; até os peixes do mar perecerão.
Todavia ninguém se ponha a corrigir ou a repreender pessoa alguma, mas eu censuro a ti ó sacerdote.
Por isso cairás de dia, e o profeta contigo cairá de noite; e destruirei a tua mãe.
O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da Lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.
Quanto mais se multiplicam, mais pecaram contra mim, transformaram em infâmia o que era a sua glória.
Esses sacerdotes vivem do pecado do meu povo e querem que o povo continue pecando.
O sacerdote será tratado como o povo. Castigá-lo-ei pelo seu comportamento. Tratá-lo-ei segundo as suas obras.
Comerão sem ficar satisfeitos, vão se dar à prostituição sem tirar nenhum proveito, pois eles abandonaram Javé para entregar-se à prostituição.

(Oséias 4:1b-10)


... Nossos pais herdaram só mentiras e vaidade, em que não havia proveito.

(Jeremias 16:19b)


... Abraçaram a mentira e não quiseram voltar.
Atentamente os escutei: não falam, porém, com sinceridade. Nem um deles se arrepende da maldade e não clama: "Que fiz eu?" Retomam todos a caminhada, à semelhança do cavalo que se arremessa à batalha.
Até a cegonha pelo ar reconhece a estação, e as rolas e as andorinhas são fiéis à migração. O meu povo, porém, não conhece a Lei do Senhor.
Como podeis dizer: "Somos sábios, e temos conosco a Lei do Senhor?" Mas a caneta falsa do escriba transformou em mentira a Lei de Deus.
Os sábios consternados e confundidos ficarão cobertos de vergonha, por haverem repelido a Palavra do Senhor; qual seria então a sabedoria deles?
Pelo que darei as suas mulheres a estranhos e suas terras a conquistadores. Pois do primeiro ao último, são todos ávidos de lucro; do profeta ao sacerdote, todos praticam a mentira.
Sem responsabilidade, querem curar a ferida do meu povo, dizendo apenas: "Paz! Paz!" quando não existe paz.
Porventura, envergonham-se de cometer abominação? Pelo contrário, de maneira nenhuma se envergonham, nem sabem que coisa é envergonhar-se; portanto, cairão entre os que caem e tropeçarão no tempo em que eu os visitar, diz o Senhor.
Eu queria colher alguma coisa deles - Oráculo de Javé - mas não há uvas na parreira nem figos na figueira, até as suas folhas secaram; e até aquilo mesmo que lhes dei se irá deles.
"Por que nos assentamos ainda? Juntai-vos, e entremos nas cidades fortes e ali estejamos calados; pois já o Senhor, Nosso Deus, nos fez calar e nos deu a beber água de fel; porquanto pecamos contra o Senhor.
Esperava-se a paz, e não há bem: o tempo da cura, e eis o terror."

(Jeremias 8:5b-15)


... Porque grande como o mar é a tua ferida; quem te sarará?
Os teus profetas tinham visões apenas extravagantes e balofas. Não manifestaram tua malícia, o que teria poupado teu exílio. Os oráculos que te davam eram apenas mentiras e enganos.

(Lamentações 2:13b-14) Jeremias


Portanto o meu povo será levado cativo, por falta de entendimento; e os seus nobres terão fome, e a sua multidão se secará de sede.
Por isso é que a habitação dos mortos alargou o seu seio desmesuradamente abriu a sua boca; desceram a ela os seus heróis, o seu povo e os seus homens ilustres e gloriosos.
O plebeu terá de se curvar, os grandes serão humilhados e os olhos dos altivos serão abatidos.
Mas o Senhor dos Exércitos será exaltado em juízo, e Deus, o Santo, será santificado em justiça.

(Isaías 5:13-16)


... entregarei ao saque a tua fortaleza, todos os teus tesouros, os teus lugares altos, por causa dos pecados cometidos por ti em todas as tuas terras.
Assim, por ti mesmo te privarás da tua herança que te dei, e far-te-ei servir os teus inimigos, na terra que não conheces; porque o fogo que acendeste na minha ira arderá para sempre.
Eis o que diz o Senhor: Maldito o homem que confia em outro homem, que da carne faz o seu apoio e cujo coração vive distante do Senhor!

(Jeremias 17:3b-5)


O que é o homem, para que tanto o estimes, e ponhas sobre ele o teu coração.

(Jó 7:17) Jó


Quanto aos profetas. O meu coração está quebrantado dentro de mim; todos os meus ossos estremecem; sou como um homem embriagado e como um homem vencido pelo vinho, por causa do Senhor e por causa das Palavras da sua santidade.
A Terra está cheia de adultérios e está em luto esta Terra maldita. As pastagens do deserto ressecaram e os homens correm para o mal. É a iniquidade que lhes dá forças.
Porque o profeta e o sacerdote se corromperam. Até no meu Templo encontro sua perversidade - Oráculo do Senhor.
Portanto, o seu caminho lhes será como lugares escorregadios na escuridão; serão empurrados e cairão nele; pois precipitarei a desgraça sobre eles no ano em que os castigar - Oráculo do Senhor.
Entre os profetas samaritanos vi absurdos; profetizaram em nome de Baal e desencaminharam meu povo de Israel.
Aos profetas de Jerusalém vi imitar os adúlteros e ir após a mentira; fortificaram as mãos dos malvados, para que nenhum se convertesse da sua malícia; tornaram-se todos para mim como Sodoma, e os moradores de Jerusalém como Gomorra.
Portanto isto diz o Senhor dos Exércitos aos profetas Eis que os alimentarei com absinto e lhes darei a beber fel; porque dos profetas de Jerusalém é que se derramou a corrupção sobre toda a Terra.
Isto diz o Senhor dos Exércitos: "Não queirais ouvir as palavras dos profetas, que vos profetizam e vos enganam; contam as visões do seu coração, e não da boca do Senhor.
Dizem continuamente aos que me desprezam: "O Senhor disse: Paz tereis;" e a qualquer que anda segundo o propósito do seu coração, dizem: "Não virá mal sobre vós."
Mas qual deles assistiu a deliberação do Senhor? Quem o viu, e lhe escutou a Palavra? Quem a ouviu e lhe prestou a atenção?
Eis que se levantará o redemoinho da indignação do Senhor, e a tempestade desencadeada cairá sobre a cabeça dos ímpios.
Não se desviará a ira do Senhor até que execute e cumpra os pensamentos do seu coração; no fim dos dias, entendereis isso claramente.
Não enviei tais profetas: são eles que correm; nem jamais lhes falei; e, no entanto, proferiram oráculos.
Houvessem eles assistido à minha deliberação, e seriam Minhas as Palavras que haveriam de proferir, fazendo que meu povo renunciasse à perversidade de seu procedimento."
Sou eu apenas Deus de perto, diz o Senhor, e não também Deus de longe?
Esconder-se-ia alguém em esconderijos, de modo que eu não o veja? - diz o Senhor. Porventura, não encho eu os céus e a Terra? - diz o Senhor.
Eu ouvi o que disseram os profetas, que em Meu Nome profetizam a mentira, e dizem: "Tive um sonho, tive um sonho."
Até quando há de durar isto no coração dos profetas que vaticinam a mentira e que profetizam as ilusões do seu coração?
Os quais querem fazer que o meu povo se esqueça do Meu Nome pelos sonhos que cada um conta ao seu vizinho, assim como os seus pais se esqueceram do Meu Nome, por causa de Baal.
O profeta que tem um sonho, conte o seu sonho; o que tem a Minha Palavra, anuncie a Minha Palavra com toda a verdade. Que comparação há entre a palha e o trigo, diz o Senhor?
Não são as Minhas Palavras como um fogo, diz o Senhor, e como um martelo que quebra a pedra?
Portanto, eis que eu sou contra os profetas diz o Senhor, que furtam as Minhas Palavras cada um ao seu companheiro.
Eis que sou contra os profetas, diz o Senhor, que usam de sua língua e dizem: "Ele disse."
Eis que sou contra os que profetizam sonhos mentirosos, diz o Senhor e o contam, e fazem errar o meu povo com as suas mentiras e com as suas leviandades; pois eu não os enviei, nem lhes dei ordem e não trouxeram proveito nenhum a este povo, diz o Senhor.
Se te perguntar, pois, este povo, ou um profeta, ou um sacerdote, dizendo: "Qual é o peso do Senhor?" tu lhes dirás: Vós sois o peso, porque eu vos ei de arrojar para longe de mim, diz o Senhor.

(Jeremias 23:9-33)


Isto diz o Senhor dos Exércitos: "Não queirais ouvir as palavras dos profetas, que vos profetizam e vos enganam; contam as visões do seu coração, e não da boca do Senhor.
Dizem continuamente aos que me desprezam: "O Senhor disse: Paz tereis;" e a qualquer que anda segundo o propósito do seu coração, dizem: "Não virá mal sobre vós."
Mas qual deles assistiu a deliberação do Senhor? Quem o viu, e lhe escutou a Palavra? Quem a ouviu e lhe prestou a atenção?
Eis que se levantará o redemoinho da indignação do Senhor, e a tempestade desencadeada cairá sobre a cabeça dos ímpios.
Não se desviará a ira do Senhor até que execute e cumpra os pensamentos do seu coração; no fim dos dias, entendereis isso claramente.
Não enviei tais profetas: são eles que correm; nem jamais lhes falei; e, no entanto, proferiram oráculos.
Houvessem eles assistido à minha deliberação, e seriam Minhas as Palavras que haveriam de proferir, fazendo que meu povo renunciasse à perversidade de seu procedimento."
Sou eu apenas Deus de perto, diz o Senhor, e não também Deus de longe?
Esconder-se-ia alguém em esconderijos, de modo que eu não o veja? - diz o Senhor. Porventura, não encho eu os céus e a Terra? - diz o Senhor.
Eu ouvi o que disseram os profetas, que em Meu Nome profetizam a mentira, e dizem: "Tive um sonho, tive um sonho."
Até quando há de durar isto no coração dos profetas que vaticinam a mentira e que profetizam as ilusões do seu coração?
Os quais querem fazer que o meu povo se esqueça do Meu Nome pelos sonhos que cada um conta ao seu vizinho, assim como os seus pais se esqueceram do Meu Nome, por causa de Baal.
O profeta que tem um sonho, conte o seu sonho; o que tem a Minha Palavra, anuncie a Minha Palavra com toda a verdade. Que comparação há entre a palha e o trigo, diz o Senhor?
Não são as Minhas Palavras como um fogo, diz o Senhor, e como um martelo que quebra a pedra?
Portanto, eis que eu sou contra os profetas diz o Senhor, que furtam as Minhas Palavras cada um ao seu companheiro.
Eis que sou contra os profetas, diz o Senhor, que usam de sua língua e dizem: "Ele disse."
Eis que sou contra os que profetizam sonhos mentirosos, diz o Senhor e o contam, e fazem errar o meu povo com as suas mentiras e com as suas leviandades; pois eu não os enviei, nem lhes dei ordem e não trouxeram proveito nenhum a este povo, diz o Senhor.
Se te perguntar, pois, este povo, ou um profeta, ou um sacerdote, dizendo: "Qual é o peso do Senhor?" tu lhes dirás: Vós sois o peso, porque eu vos ei de arrojar para longe de mim, diz o Senhor.

(Jeremias 23:16-33)


Vai, pois, agora, escreve isto em uma tábua perante eles e registra-o com cuidado num livro, para que seja no futuro um testemunho eterno.
Porque povo rebelde é este, filhos mentirosos, filhos que não querem ouvir a Lei do Senhor;
que dizem aos que vêem: "Não vejais;" e aos profetas: "Não nos anuncieis a verdade, dizei-nos coisas agradáveis profetizai-nos fantasias.
Afastai de nós o caminho; afastai de nós tal vereda; desapareça de diante da nossa face o Santo de Israel."
Por isso, eis a réplica do Santo de Israel: "Visto que rejeitais esta advertência, para fiar-vos de meios tortuosos e perversos, e procurar aí vosso apoio.
Por isso esta iniquidade será para vós como uma abertura, ameaçando ruína, que se torna saliente sobre uma elevada muralha, e que subitamente se desmorona, quando menos se espera.
Será feita em pedaços, como se quebra com uma fortíssima pancada uma vasilha de barro; não se achará entre os seus fragmentos um caco em que se leve uma brasinha de um fogão, ou se tire um pouco de água de uma poça."

(Isaías 30:8-14)


Se houvesse um homem que atirasse palavras ao vento e espalhasse mentiras: "Eu lhes anuncio vinho e bebida forte," este sim seria um profeta para esse povo!

(Miquéias 2:11)



Página 2 >>
Menu
Menu Principal
<< A Cidade Pecadora

^