O BATISMO


  • A travessia do rio Jordão
  • A Arca da Aliança separa as águas do rio Jordão
  • Israel atravessou o rio Jordão a pé enxuto
  • Jesus lava os pés dos discípulos
  • Jesus Batizava
  • O Batismo de João Batista



No dia em que perante o Senhor, teu Deus, em Horebe, o Senhor me disse: “Ajunta-me este povo, e os farei ouvir as Minhas Palavras, e aprendê-las-ão, para me temerem todos os dias que na terra viverem, e as ensinarão a seus filhos.
E vós vos chegastes, e vos pusestes ao pé do Monte; e o Monte ardia em fogo até ao meio dos céus, e havia trevas, e nuvens, e escuridão.
Então, o Senhor vos falou do meio do fogo, a voz das Palavras ouvistes; porém, além da voz, não vistes figura alguma.
Ele deu-vos a conhecer a sua Aliança, e ordenou-vos que a observásseis: os Dez Mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra.
Também o Senhor me ordenou, ao mesmo tempo, que vos ensinasse as Leis e os preceitos que deveríeis observar na terra que ides possuir.
Guardai, pois, com diligência a vossa alma, pois semelhança nenhuma vistes no dia em que o Senhor, Vosso Deus, em Horebe, falou convosco, do meio do fogo;
não suceda que enganados façais para vós alguma imagem esculpida, quer seja figura de homem quer de mulher,

representação de algum animal que vive na terra ou de um pássaro que voa nos céus,
ou de um réptil que se arrasta sobre a terra, ou de um peixe que vive nas águas, debaixo da terra.
Não suceda que, levantando os olhos ao céu, e vendo o sol e a lua, e todas as estrelas do céu, caindo no erro, adores e prestes culto a essas coisas que o Senhor teu Deus criou para servir a todas as gentes, que estão debaixo do céu.
Quanto a vós, o Senhor vos escolheu e vos retirou da fornalha de ferro que era o Egito, para serdes o seu povo, o povo de sua herança, como o sois presentemente.
O Senhor irritou-se contra mim por causa de vós, e jurou que eu não passaria o Jordão, nem entraria na boa terra que ele, o Senhor, Vosso Deus, vos dá como herança.
Vou morrer nesta terra, sem atravessar o Jordão; mas vós o passareis e possuireis essa boa terra.
Tende cuidado para não esquecer a Aliança que o Senhor, Vosso Deus, fez convosco, e não façais uma imagem esculpida, representando o que quer que seja, como vos proibiu o Senhor Vosso Deus,
porque o Senhor teu Deus é um fogo devorador, um Deus zeloso.

Quando tiverdes filhos e netos, e, depois de vos terdes envelhecido nessa terra, vos corromperdes e fabricardes alguma imagem esculpida do que quer que seja, fazendo o que é mal aos olhos de Vosso Deus e provocando assim a sua ira,
eu chamo hoje por testemunhas o céu e a Terra, que vós sereis bem cedo exterminados da terra, que, passando o Jordão, estais para possuir; não habitareis nela por longo tempo, mas o Senhor vos destruirá.
E o Senhor vos espalhará entre os povos, e ficareis poucos em número entre as gentes às quais o Senhor vos conduzirá.
E lá servireis a deuses que foram fabricados por mão dos homens, de pau e de pedra, os quais não vêem, nem ouvem nem comem nem cheiram.

(Deuteronômio 4:10-28)


Olhai, pois, que façais como vos mandou o Senhor, Vosso Deus; não declineis, nem para a direita, nem para a esquerda.
Andareis em todo o caminho que vos manda o Senhor, Vosso Deus, para que vivais, e bem vos suceda, e prolongueis os dias na terra que haveis de possuir.

(Deuteronômio 5:32-33)


Após a m"orte de Moisés, servo do Senhor, o Senhor disse a Josué, filho de Num, assistente de Moisés:
“Moisés, meu servo, é morto; levanta-te, pois, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel.
Todo o lugar que pisar a planta de vosso pé, eu vo-lo darei, como disse a Moisés.
O vosso território se estenderá desde esse deserto e desde o Líbano até o grande rio Eufrates – toda a terra dos heteus e até o grande mar para o poente do sol o vosso termo.
Enquanto viveres, ninguém te poderá resistir; estarei como estive com Moisés; não te deixarei nem te abandonarei.
Esforça-te e tem mui ânimo, porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhe daria.
Tão somente esforça-te e tem mui bom ânimo para teres cuidado de fazer conforme toda a Lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvieis, nem para a direita nem para a esquerda, para que prudentemente te conduzas por onde quer que andares.
Não se aparte da tua boca o Livro desta Lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito; porque, então, farás prosperar o teu caminho e, então, prudentemente te conduzirás.
Eis que te mando: Tem ânimo e sê forte: não tenhas medo nem temor porque o Senhor, teu Deus, está contigo em qualquer parte onde fores.”
Então, deu ordem Josué aos príncipes do povo, dizendo:
“Passais pelo meio do arraial e ordenai ao povo, dizendo: Provede-vos de comida, porque, dentro de três dias, passareis este Jordão, para que tomeis posse da terra que vos dá o Senhor, Vosso Deus, para que a possuais.”

(Josué 1:1-11)


Levantou-se, pois, Josué de madrugada, e partiram de Sitim, e vieram até ao Jordão, ele e todos os filhos de Israel, e pousaram ali antes que passassem.

(Josué 3:1)


E disse aos sacerdotes: “Tomai a Arca da Aliança, e ide adiante do povo...

(Josué 3:6a)


Eis que a Arca da Aliança do Senhor de toda a Terra vai atravessar diante de vós o Jordão.

(Josué 3:11)


E, logo que os sacerdotes que levam a Arca do Senhor Deus de toda a Terra, puserem as plantas dos pés nas águas do Jordão, as águas de baixo seguirão a sua corrente e minguarão; e as que vêm de cima pararão amontoando-se."
Saiu pois o povo das suas tendas, para passar o Jordão. Os sacerdotes, que levavam a Arca da Aliança caminhavam adiante dele.
E, logo que entraram no Jordão e a água lhes começou a molhar os pés - o Jordão estava transbordante e inundava suas margens durante todo o tempo da ceifa.
A água que vinha de cima parou, levantando-se num só monte, bem longe, em Adam, cidade que fica ao lado de Sartã; e a água que descia ao mar da Arabá, o mar Morto, escoou totalmente, de modo que o povo pode atravessar diante de Jericó.
Os sacerdotes que levavam a Arca da Aliança do Senhor conservaram-se de pé sobre o leito seco do Jordão, enquanto que todo o Israel passava a pé enxuto. E ali permaneceram até que todos passassem para outra margem.

(Josué 3:13-17)


Tendo todo o povo atravessado o Jordão, o Senhor disse a Josué:
“Escolhe doze homens, um de cada tribo,
e mandai-lhes, dizendo: Tomai daqui, do meio do Jordão, do lugar do assento dos pés dos sacerdotes, doze pedras; e levais convosco à outra banda e depositai-as no alojamento em que haveis de passar esta noite.”
Chamou pois Josué os doze homens que tinha escolhido entre os filhos de Israel, um de cada tribo,
e disse-lhes: “Passai diante da Arca do Senhor, Vosso Deus, ao meio do Jordão; e levante cada um uma pedra sobre o seu ombro, segundo o número das tribos dos filhos de Israel,
para que seja um sinal entre vós; e quando no futuro vossos filhos vos interrogarem, dizendo: “Que significam estas pedras?”
Vós lhes respondereis: “As águas do Jordão desapareceram diante da Arca da Aliança do Senhor, enquanto ela o atravessava; e essas pedras são para os israelitas
um monumento eterno em memória desse acontecimento.”

Fizeram os filhos de Israel como Josué lhes tinha ordenado: tomaram do meio do leito do Jordão doze pedras, como o Senhor tinha dito a Josué, segundo o número das tribos de Israel. Levaram-nas consigo e depositaram-nas no lugar onde deviam acampar.
Pôs também Josué outras doze pedras no meio do leito do Jordão, onde estiveram parados os sacerdotes, que levavam a Arca da Aliança; e ali se conservam até o dia de hoje.
Os sacerdotes que levavam a Arca, estavam parados no meio do Jordão, até se cumprir tudo o que o Senhor tinha mandado a Josué que dissesse ao povo, e que Moisés lhe tinha dito. E o povo apressou-se e passou.
Logo que todos passaram, a Arca do Senhor e os sacerdotes puseram-se de novo à frente do povo.
E passaram os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, e a meia tribo de Manassés, armados, na frente dos filhos de Israel, como Moisés lhes tinha dito;
em número de aproximadamente quarenta mil homens, equipados para o combate, desfilaram diante do Senhor, rumo à planície de Jericó.
Naquele dia o Senhor exaltou Josué aos olhos de todo o Israel. E todos tiveram para com ele o mesmo respeito que por Moisés, durante toda a sua vida.
Falou, pois, o Senhor a Josué, dizendo:
“Manda aos sacerdotes, que levam a Arca da Aliança, que saiam do Jordão.”
E deu Josué ordem aos sacerdotes, dizendo: “Subi do Jordão.”
E os sacerdotes, que levavam a Arca da Aliança do Senhor, tendo deixado o leito do rio, ao pisarem seus pés a terra firme, as águas do Jordão retomaram seu lugar e correram caudalosas como antes.
Ora, o povo saiu do Jordão no décimo dia do primeiro mês, e acampou em Gálgala, na extremidade oriental de Jericó.
Colocou também Josué em Gálgala as doze pedras, que tinham tomado do fundo do Jordão.
E falou aos filhos de Israel, dizendo: “Quando no futuro vossos filhos perguntarem a seus pais, dizendo: Que significam estas pedras?"

(Josué 4:1-21)


Jesus respondeu: “Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus.”

(João 3:5)


“Responder-lhes-eis nestes termos:
Israel atravessou o Jordão a pé enxuto.
Porque o Senhor, Vosso Deus, fez secar as águas do Jordão diante de vós até que passásseis, como o Senhor, Vosso Deus, fez ao Mar Vermelho, que fez secar perante nós, até que passamos.
Para que todos os povos da Terra reconheçam a mão poderosíssima do Senhor, e vós temais sempre o Senhor, Vosso Deus.”

(Josué 4:22-24)


Esforçai-vos, pois, muito para guardardes e para fazerdes tudo quanto está escrito no LIVRO DA LEI DE MOISÉS, para que dela não vos aparteis, nem para a direita nem para a esquerda.

(Josué 23:6)


E a PALAVRA se fez homem e habitou entre nós...

(João 1:14a)


Disse-lhes JESUS: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim."

(João 14:6)


... e o nome pelo qual se chama é a PALAVRA DE DEUS.

(Apocalipse 19:13b)


Tendo ido ao Templo, chegaram-se a ele os grandes sacerdotes e os anciãos do povo, enquanto ele estava ensinando. E lhe disseram: "Com que autoridade fazes tais coisas? Quem te deu esse poder?"
Respondendo, JESUS disse-lhes: "Também tenho uma pergunta a vos fazer. Se me responderdes a ela, então vos direi com que autoridade faço tais coisas.
De onde era o Batismo de João? Do céu ou dos homens?" Eles refletiam cada um em si mesmo: "Se dissermos que era do céu, ele nos dirá: Então porque não crestes nele?
E se dissermos que era dos homens, temos receio do povo, porque todos consideram João como um profeta."
Respondendo a Jesus, disseram: "Não sabemos." Disse-lhes também ele: "Pois então, nem eu vos digo com que autoridade faço tais coisas."

(Mateus 21:23-27)


Bem aventurado o varão que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
Antes tem o seu prazer na LEI DO SENHOR, e na sua LEI medita de dia e de noite.
Pois será como árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria, e cujas folhas não caem, e tudo quanto fizer prosperará.

(Salmos 1:1-3)


Princípio do Evangelho de JESUS CRISTO, FILHO DE DEUS.
Conforme está escrito no profeta Isaías: “Eis que envio o meu anjo ante a tua presença, o qual preparará o teu caminho diante de ti.
Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.

Apareceu João batizando no deserto e pregando o Batismo de Arrependimento, para remissão dos pecados.
E ia ter com ele toda a região da Judéia e todos de Jerusalém. E confessando os próprios pecados, eram batizados por ele no rio Jordão.
João vestia-se com peles de camelo, tinha uma cinta de couro ao redor dos rins, e alimentava-se de gafanhotos e mel silvestre,
e pregava, dizendo: “Após mim vem aquele que é mais forte do que eu, do qual não sou digno de, abaixando-me, desatar a correia das sandálias."

(Marcos 1:1-7)


Chegou, pois a Simão Pedro. Este lhe diz: “Senhor, tu lavar-me os pés?!”
Jesus respondeu-lhe: “O que eu faço, tu não podes entendê-lo agora, mas hás de sabê-lo depois.”
Disse-lhe Pedro: “Não me lavarás jamais os pés.” Respondeu-lhe Jesus: “Se eu não os lavar, não terás parte comigo.”
Exclamou então Simão Pedro: “Senhor não somente os pés, mas também as mãos e a cabeça.”
Disse-lhe Jesus: "Aquele que foi lavado não precisa de lavar senão os pés, porque está inteiramente limpo. E vós estais puros; mas não todos.”
Sabia Jesus quem era que o devia trair, e por isso disse: “Nem todos estais puros.”
Portanto, depois de lhes ter lavado os pés, e haver retomado o manto, tornou a sentar-se à mesa, e lhes disse: “Compreendeis o que vos acabo de fazer?
Vós me chamais Mestre e Senhor e dizeis bem, porque eu o sou.
Ora, se eu, Senhor e Mestre, vos lavei os pés, vós deveis também lavar os pés uns aos outros.
Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também.
Em verdade, em verdade vos digo: O servo não é maior do que o seu Senhor, nem o enviado é maior do que aquele que o enviou.
Se compreendeis estas coisas, bem aventurados sereis se as praticardes.
Eu não falo de todos vós. Bem conheço os que escolhi. Mas é preciso que se realize esta Palavra da Escritura: O que come o pão juntamente comigo, levantará contra mim o calcanhar.
Isto vos digo, desde agora, antes que suceda, para que, ao acontecer, conheçais quem sou eu.
Em verdade, em verdade vos digo: Quem recebe aquele que eu enviar, a mim recebe, e quem me recebe, recebe aquele que me enviou."

(João 13:6-20)


Depois disso, foi Jesus e seus discípulos para a região da Judéia, aí permaneceu com eles, e batizava.
Também João batizava em Enon, perto de Salim, porque havia ali muita água, e muitos vinham e eram batizados.
Pois João ainda não tinha sido lançado ao cárcere.
Ora, surgiu uma discussão entre os discípulos de João e um judeu, a respeito da purificação.
Foram ter com João e disseram-lhe: “Rabi, aquele que estava contigo além Jordão, de quem deste testemunho, está agora a batizar e todos vão a sua procura.”
João respondeu e disse: “O homem não pode receber coisa alguma, se lhe não for dada do céu.
Vós próprios sois testemunhas de que eu disse: Eu não sou o Cristo, mas fui enviado adiante dele.
Aquele que tem a esposa é o esposo; mas o amigo do esposo, que lhe assiste e o ouve, alegra-se muito com a voz do esposo. Assim, pois, já essa minha alegria está cumprida.
É necessário que ele cresça e que eu diminua.
Aquele que veio do alto está acima de todos. O que veio da Terra é da Terra; mas o que vem do céu está acima de todos.
E aquilo que ele viu e ouviu, isto testifica; e ninguém aceita o seu testemunho.
Aquele que aceitou o seu testemunho, esse confirmou que Deus é verdadeiro.
Com efeito, aquele que Deus enviou fala a linguagem de Deus, porque ele concede o Espírito sem medidas.
O Pai ama o Filho e todas as coisas entregou nas suas mãos.
Quem Crê no Filho, tem a vida eterna. E quem não crê no Filho, não verá a vida, mas sobre esse paira a ira de Deus.”

(João 3:22-36)


... e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)



Jesus - a Palavra de Deus - a Água da Vida >>
Menu
Menu Principal
<< Nascer das Águas

^