O SÁBADO FOI FEITO POR CAUSA DO HOMEM
(Marcos 2:28) Jesus



  • O cego de nascença
  • A Igreja de Laodicéia
  • O homem que tinha uma das mãos mirrada
  • O objetivo da Lei é amar a Deus e ao próximo
  • A mulher curvada
  • O hidrópico



No princípio era o VERBO, e o VERBO estava com Deus, e o VERBO ERA DEUS.
Ele estava no princípio com Deus.
Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez.
Nele, estava a vida e a vida era a luz dos homens;
E a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam.
Houve um homem enviado de Deus, cujo nome era João.
Este veio como testemunha, para dar testemunho da luz, a fim de que todos cressem por meio dele.
Ele não era a luz, mas veio para dar testemunho da luz.
O VERBO era a luz verdadeira que, vindo ao mundo, a todo o homem ilumina.
Ele estava no mundo; e o mundo foi feito por meio dele; e o mundo não o conheceu.
Veio para sua própria casa, e os seus não o receberam.
Porém, a todos os que o receberam, deu-lhes poder de se tornarem filhos de Deus; aos que crêem no seu NOME.
Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.
E o VERBO se fez carne e habitou entre nós...

(João 1:1-14a)


E, passando JESUS, viu um homem cego de nascença.
E os seus discípulos lhe perguntaram: “Mestre, quem pecou: este homem ou seus pais, para nascer cego?”
Jesus respondeu: “Nem ele pecou, nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
Convém que eu faça as obras daquele que me enviou, enquanto é dia; a noite vem, na qual ninguém pode trabalhar.
Enquanto estou no mundo, eu sou a luz do mundo."
Tendo dito isso, cuspiu na terra, e, com a saliva fez lodo, e untou com o lodo os olhos do cego.

(João 9:1-6)


E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra e soprou em seus narizes o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente.

(Gênesis 2:7)


Porque o Senhor dá a sabedoria, e da sua boca vem o conhecimento e o entendimento.

(Provérbios 2:6) Salomão


E lhe disse “Vai lavar-te na piscina de Siloé,” que significa o Enviado. Aquele foi, lavou-se e voltou enxergando.
Por isso, os vizinhos e os que antes o tinham visto, pois era mendigo, comentavam: “Não é este que ficava sentado a mendigar?”
Uns diziam: “Sim, é ele mesmo.” Outros, porém: “Não, de forma alguma; é apenas parecido com ele.” Mas ele dizia: “Sim, sou eu mesmo.”
Perguntaram-lhe então: “Como é que se abriram os teus olhos?”
Respondeu: “Aquele homem, que se chama Jesus, fez lodo, e esfregou nos meus olhos, e disse-me: Vai à piscina de Siloé, e lava-te. Eu fui, lavei-me e estou vendo.”
Interrogaram-no: “Onde está esse homem?” Respondeu: “Não o sei.”
Conduziram, pois, aos fariseus aquele que tinha sido cego.
Ora, era dia de Sábado, quando Jesus fez lodo e lhe abriu os olhos.
Tornaram, pois, também os fariseus a perguntar-lhe como vira, e ele lhes disse: “Pôs-me lodo sobre os olhos, lavei-me e vejo.”
Diziam então alguns fariseus: “Este homem, que não guarda o Sábado, não é de Deus.” Porém outros diziam: “Como pode um homem pecador fazer tais prodígios?” E havia dissensão entre eles.
Tornaram então a dizer ao cego: “E tu, o que dizes de quem te abriu os olhos?” Respondeu ele: “Que é um profeta.”
Os judeus, contudo, não acreditaram que ele tivesse sido cego e adquirido a vista, enquanto não chamaram os pais desse que agora enxergava,
e os interrogaram: “É este o vosso filho? Afirmais que ele nasceu cego? Pois como é que agora vê?”
Seus pais responderam e disseram: “Sabemos que este é nosso filho, e que nasceu cego.
Mas como ele agora vê, não o sabemos. Interrogai-o. Ele tem idade; que responda por si mesmo."

(João 9:7-21)


E ao anjo da igreja que está em Laodicéia escreve: Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, O PRINCÍPIO DA CRIAÇÃO DE DEUS.
Eu sei as tuas obras, que nem és frio nem quente. tomara que foras frio ou quente!
Assim, porque és morno e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca.

(Apocalipse 3:14-16) Jesus


Seus pais disseram isso porque temiam os judeus, pois os judeus tinham ameaçado expulsar da sinagoga todo aquele que reconhecesse Jesus como o Cristo.
Por esse motivo é que os pais dele disseram: “Ele tem idade: interrogai-o."
Tornaram, pois, a chamar o homem que tinha sido cego e disseram-lhe: “Dá glória a Deus; nós sabemos que esse homem é um pecador.”
Ele respondeu: “Se é pecador, não sei; uma coisa sei, é que, havendo sido cego, agora vejo.”
Disseram-lhe então novamente: “Que foi que ele te fez? Como foi que te abriu os olhos?”
Respondeu-lhes: “Já vos disse, e não me destes atenção. O que quereis ouvir novamente? Será que também vós quereis tornar-vos discípulo dele?”
Injuriaram-no então e disseram: “Discípulo dele sejas tu; nós somos discípulos de Moisés.
Nós bem sabemos que Deus falou a Moisés, mas este não sabemos de onde é.”
Respondeu aquele homem: "O que é de admirar em tudo isso é que não saibais donde ele é, e entretanto ele me abriu os olhos.
Nós sabemos que Deus não escuta os pecadores, mas atende quem lhe presta culto e faz a sua vontade.
Desde que existe mundo, jamais se ouviu dizer que alguém tinha aberto os olhos a um cego de nascimento.
Se esse não tivesse vindo de Deus, não poderia ter feito coisa alguma.”
Responderam eles e disseram-lhe: “Tu nasceste coberto de pecados, e queres nos ensinar?” E lançaram-no fora.
Jesus ouviu dizer que o tinham lançado fora; e, tendo-o encontrado, disse-lhe: “Tu crês no Filho de Deus?”
Respondeu ele e disse: “Quem é, Senhor, para que eu creia nele?”
Disse-lhes Jesus: “Tu o vês, é o mesmo que fala contigo!”
Exclamou então ele: “Creio, Senhor!” E prostrando-se, o adorou.
Jesus disse: “Eu vim a este mundo para exercer um juízo, para que os que não vêem vejam, e os que vêem se tornem cegos.”
Ora, alguns dos fariseus, que com ele estavam, ouviram isso, e lhe disseram: “Será que também nós somos cegos?”
Disse-lhes Jesus: “Se fosseis cegos, não teríeis pecado; mas como agora dizeis: Vemos, por isso, o vosso pecado permanece.”

(João 9:22-41)


Porque dizes: “Sou rico, enriqueci-me e nada me falta;” e não sabes que és um desgraçado, miserável, pobre cego e nu.
Aconselho-te a que compres de mim ouro provado no fogo para te enriqueceres; vestidos brancos para te vestires, a fim de que não apareça a vergonha da tua nudez; e um colírio para ungires os olhos, a fim de que vejas.
Eu repreendo e castigo aqueles que amo. Reanima, pois, o teu zelo e arrepende-te:
Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei, e ele, comigo.
Ao que vencer, lhe concederei que se assente comigo no meu trono, assim como eu venci e me assentei com meu Pai no seu trono.
Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas.

(Apocalipse 3:17-22) Jesus


Ora, os discípulos de João e os fariseus jejuavam; e foram e disseram-lhe: "Por que jejuam os discípulos de João e o dos fariseus, e não jejuam os teus discípulos?"
Jesus respondeu: "Vocês acham que os convidados de um casamento podem fazer jejum enquanto o noivo está com eles?
Dias virão, porém, em que o esposo lhes será tirado, e então jejuarão.

(Marcos 2:18-20)


E, ao terceiro dia, fizeram-se umas Bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus.
E foram também convidados Jesus e os seus discípulos para as Bodas.
E, faltando o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: "Não tem vinho."
Disse-lhe Jesus: "Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.

(João 2:1-4)


Ninguém põe um remendo de pano novo em roupa velha; porque o remendo novo repuxa o pano e o rasgo fica maior ainda.
E ninguém guarda vinho novo em odres velhos; do contrário, o vinho fará arrebentar os odres, e perde-se o vinho e os odres. Vinho novo deve colocar-se em odres novos."
E aconteceu que, passando ele num Sábado pelas searas, os seus discípulos, caminhando, começaram a colher espigas.
e os fariseus lhe disseram: "Vês? Por que fazem no Sábado o que não é lícito?"
Respondeu-lhes: "Nunca lestes o que fez Davi, quando se viu em necessidade e sentiu fome, ele e os que com ele estavam?
como entrou na Casa de Deus, no tempo do sumo sacerdote Abiatar, e comeu os pães da proposição, que apenas aos sacerdotes era permitido comer, e também os deu aos que estavam com ele?"
Jesus acrescentou: "O Sábado foi feito por causa do homem e não o homem por causa do Sábado."
Assim, o Filho do Homem até do Sábado é Senhor.

(Marcos 2:21-28)


No princípio era o VERBO, e o VERBO estava com Deus, e o VERBO ERA DEUS.
Ele estava no princípio com Deus.
Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez.

(João 1:1-3)


E DISSE DEUS: "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixaes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a Terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a Terra."
E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou.

(Gênesis 1:27)


Deus contemplou toda a sua obra, e viu que tudo era muito bom. Sobreveio a tarde e depois a manhã; foi o sexto dia.

(Gênesis 1:31)


Assim foram acabados os céus, a terra e todo o seu exército.
Tendo Deus terminado no sétimo dia a obra que tinha feito, descansou do seu trabalho.
Ele abençoou o sétimo dia e o consagrou, porque nesse dia repousara de toda a obra da criação.

(Gênesis 2:1-3)


E outra vez entrou na sinagoga, e estava ali um homem que tinha uma das mãos mirrada.
E estavam observando-o se curaria no Sábado, para o acusarem.
E disse ao homem que tinha a mão mirrada: "Levanta-te e vem para o meio."
E perguntou-lhes: "É lícito no Sábado fazer bem, ou fazer mal? Salvar a vida, ou matar?" E eles calaram-se.
E, olhando para eles em redor com indignação, condoendo-se da dureza do seu coração, disse ao homem: "Estende a tua mão." E ele a estendeu, e foi-lhe restituída a sua mão, sã como a outra.
E, tendo saído os fariseus, tomaram logo conselho com os herodianos contra ele, procurando ver como o matariam.

(Marcos 3:1-6)


E enviaram-lhe alguns dos fariseus, e dos herodianos, para o apanharem nas palavras.
Chegando, disseram-lhe: "Mestre, sabemos que tu és franco e não tens receio de ninguém, porque não olhas a aparência das pessoas, mas ensinas o caminho de Deus conforme a verdade. É lícito dar o tributo a César ou não lho devemos dar?"
Jesus, conhecendo a hipocrisia deles, respondeu-lhes: "Por que me tentais? Dai me aqui um dinheiro para o ver."
E eles lho trouxeram. Então lhes perguntou Jesus: "De quem é esta imagem e inscrição?" Responderam-lhe: "De César."
E respondendo Jesus, lhes disse: "Pois dai a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus." E desta resposta ficaram admirados.

(Marcos 12:13-17)


Se alguém diz: Eu amo a Deus e aborrece a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?
E nós temos de Deus este Mandamento: Quem ama a Deus, ame também a seu irmão.

(1João 4:20-21) João


Então aproximou-se um dos escribas, que os tinha ouvido discutir, e, vendo que Jesus lhes tinha respondido bem, perguntou-lhe: "Qual é o primeiro de todos os Mandamentos?"
E Jesus lhe respondeu que de todos o primeiro Mandamento era este: "Ouve Israel; o Senhor teu Deus é um só Deus;
amarás, pois ao Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro Mandamento.
E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não há outro Mandamento maior do que estes."

(Marcos 12:28-31)


E retirou-se Jesus com os seus discípulos para o mar, e seguia-o uma grande multidão da Galiléia e da Judéia,
E de Jerusalém, e da Iduméia, e de além do Jordão, e de perto de Tiro e de Sidom; uma grande multidão que, ouvindo quão grandes coisas fazia, vinha ter com ele.
E ele disse aos seus discípulos que lhe tivessem sempre pronto um barquinho junto dele, por causa da multidão, para que o não oprimisse,
Porque tinha curado a muitos, de tal maneira que todos quantos tinham algum mal se arrojavam sobre ele, para lhe tocarem.
E os espíritos imundos vendo-o, prostravam-se diante dele, e clamavam, dizendo: "Tu és o Filho de Deus."
E ele os ameaçava muito, para que não o manifestassem.

(Marcos 3:7-12)


... e tinha um nome escrito que ninguém sabia, senão ele mesmo.
E estava vestido de uma veste salpicada de sangue, e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:12b-13)


E, ao terceiro dia, fizeram-se umas Bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus.
E foram também convidados Jesus e os seus discípulos para as Bodas.
E, faltando o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: "Não tem vinho."
Disse-lhe Jesus: “Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.”

(João 2:1-4)


Mas tenho contra ti o tolerares que Jezabel, Mulher que se diz profetisa, ensine e engane os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria.

(Apocalipse 2:20)


Nesse mesmo tempo chegaram alguns dando-lhe notícia de vários galileus, cujo sangue Pilatos misturara com os seus sacrifícios.
E, respondendo Jesus, disse-lhes: "Cuidais vós que esses galileus foram mais pecadores de que todos os galileus, por terem padecido tais coisas?
Não, vos digo; antes, se vos não arrependerdes, todos de igual modo perecereis.
E aqueles dezoito sobre os quais caiu a torre de Siloé e os matou, cuidais que foram mais culpados do que todos quantos homens habitam em Jerusalém?
Não, vos digo; antes, se vós não arrependerdes, todos de igual modo perecereis."

Então Jesus contou esta parábola: "Certo homem tinha uma figueira plantada no meio da vinha. Foi até lá procurar figos, e não encontrou.
Pelo que disse ao que cultivava a vinha: Eis que há três anos venho buscar fruto a esta figueira e não o encontro; corta-a; para que ela está ocupando terreno inutilmente?
Mas ele respondeu: Senhor, deixa-a ainda este ano, para que eu possa escavar a terra em volta e colocar adubo.
Se com isso der fruto, bem está; se não, virás cortá-la depois."

(Lucas 13:1-9)


E disse: Se ouvirdes atento a voz do Senhor teu Deus, e fizeres o que é reto diante de seus olhos, e inclinares os teus ouvidos aos seus Mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, nenhuma das enfermidades porei sobre ti, que pus sobre o Egito; porque eu sou o Senhor, que te sara.

(Êxodo 15:26)


E ensinava no Sábado, numa das sinagogas.
E eis que estava ali uma mulher que tinha um espírito de enfermidade havia já dezoito anos; e andava curvada e não podia de modo algum endireitar-se.
Jesus, vendo-a, chamou-a e disse-lhe: "Mulher, estás livre da tua enfermidade."
E impôs-lhe as mãos. No mesmo instante, ele endireitou-se e começou a dar glória a Deus.
Mas o chefe da sinagoga, indignado por ver que Jesus fazia curas no Sábado, disse à multidão: "Seis dias há, durante os quais se deve trabalhar. Vinde pois, nesses dias, para serdes curados e não em dia de Sábado."
Mas o Senhor respondendo, lhe disse: "Hipócritas! Não solta cada um de vós, nos Sábados, o seu boi ou o seu jumento, e não os tira da estrebaria para se levar a beber?
Porque razão, logo, não se devia livrar deste cativeiro em dia de Sábado esta filha de Abraão, que Satanás tinha assim presa tal como a vedes havia dezoito anos?"
Dizendo ele tais coisas, envergonhavam-se todos os seus adversários, e o povo todo exultava com todas as coisas gloriosamente por ele realizadas.

(Lucas 13:10-17)


E, ao terceiro dia, fizeram-se umas Bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus.
E foram também convidados Jesus e os seus discípulos para as Bodas.
E, faltando o vinho, a mãe de Jesus lhe disse:“Não tem vinho.”
Disse-lhe Jesus: "Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.
Disse a mãe de Jesus aos que serviam: "Fazei tudo o que ele vos disser."
Havia aí seis potes de pedra de uns cem litros cada um, que serviam para os ritos de purificação dos judeus.
Jesus disse: aos que serviam: "Encham de água esses potes." Eles encheram os potes até a boca.

(João 2:1-7)


Num dia de Sábado aconteceu que Jesus foi comer em casa de um dos chefes dos fariseus, que o observavam.
E eis que estava ali diante dele um certo homem hidrópico.
Tomando a palavra, Jesus falou aos especialistas em Leis e aos fariseus: "A Lei permite ou não permite curar em dia de Sábado?"
Eles nada disseram. Então Jesus, tomando o homem pela mão, curou-o e despediu-o.
Dirigindo-se àqueles, falou: "Quem de vós, se lhe cair um filho ou um boi no poço, não o retira imediatamente em dia de Sábado?"
E a isto não puderam replicar.
Disse também uma parábola, observando como os convidados escolhiam os primeiros assentos à mesa dizendo-lhes:
"Quando fores convidado para um banquete nupcial, não ocupem o primeiro lugar, pois pode ser que tenha sido convidado alguém mais digno do que tu,
e vindo esse, que te convidou a ti e ao outro, te diga: Cede o lugar para este. Então passarias envergonhado a ocupar o último lugar.
Mas quando fores convidado, vai sentar-te no último lugar, e, assim, quando vier o que convidou, te diga: Amigo, vem mais para cima. Então isto será uma honra para ti aos olhos de todos os que estiverem contigo à mesa.
Porquanto, qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado."
E dizia também ao que o tinha convidado: "Quando deres um jantar ou uma ceia, não chames os teus amigos, nem os teus irmãos, nem os teus parentes, nem vizinhos ricos, para que não suceda que também eles te tornem a convidar, e te seja isso recompensado.
Mas, quando deres algum banquete, convida os pobres, os aleijados, os coxos e os cegos;
e serás bem aventurado, porque esses não têm com que te retribuir. Mas ser-te-á isso retribuído na ressurreição dos justos."
Tendo ouvido estas coisas um dos que estavam à mesa, disse-lhe: "Bem aventurado o que participar do banquete no Reino de Deus."
Ele, porém, disse-lhe: "Certo homem deu um grande banquete, para o qual tinha convidado muitos.
Na hora do banquete, mandou o seu servo dizer aos convidados: vinde, que tudo já está preparado!
Mas todos, unanimemente começaram a esquivar-se. O primeiro disse: Comprei um terreno e preciso ir vê-lo; peço que me dispenses.
O outro disse: Comprei cinco juntas de bois, e vou experimentá-los; por favor considera-me desculpado.
E outro disse: Casei-me e, por isso, não posso ir.
Voltando o servo, referiu estas coisas ao seu Senhor. Então, irado o pai de família, disse ao seu servo: Vai já pelas praças e pelas ruas da cidade; traze aqui os pobres, aleijados, cegos e coxos.
E disse o servo: Senhor, está feito como mandaste e ainda há lugar.
O Senhor ordenou: Sai pelos caminhos e atalhos e obriga a todos a entrar, para que se encha a minha casa.
Porque eu vos digo que nenhum daqueles homens que foram convidados, provará da minha ceia."

(Lucas 14:1-24)


Ao anjo da igreja de Tiatira escreve: Isto diz o Filho de Deus, que tem os olhos como uma chama de fogo, e cujos pés são semelhantes ao bronze fino.
Conheço as tuas obras, a tua caridade, o teu serviço, a tua fé, a tua paciência e as tuas últimas obras são mais numerosas do que as primeiras.
Mas tenho contra ti o tolerares que Jezabel, mulher que se diz profetiza; ensine e engane os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria.

(Apocalipse 2:18-20)


Disse ainda: "A que direi que é semelhante o Reino de Deus?
É semelhante ao fermento que uma mulher toma e mistura em três medidas de farinha, até que esta fique toda fermentada."

(Lucas 13:20-21) Jesus



Maligna é esta Geração >>
Menu
Menu Principal
<< Jesus Descansou no Sábado

^