POR CAUSA DA VOSSA TRADIÇÃO, TORNASTES NULO O MANDAMENTO DE DEUS
(Mateus 15:6b) Jesus


  • A tradição humana
  • O povo honra Deus em vão
  • A pagã que não segue a tradição consegue um milagre de Jesus
  • A segunda multiplicação dos pães
  • O fermento de Herodes
  • Os pães asmos
  • Homens são como árvores



Aproximaram-se então de Jesus alguns fariseus e escribas, vindos de Jerusalém e disseram-lhe:
“Por que violam os teus discípulos a tradição dos antigos? Pois não lavam as suas mãos quando comem pão.”
“E vós, replicou ele, por que transgredis o Mandamento de Deus por causa da vossa tradição?
Deus, com efeito, disse: Honra teu pai e tua mãe, e ainda: Quem amaldiçoar o pai ou a mãe seja punido de morte.
Mas vós dizeis: Aquele que disser a seu pai ou a sua mãe: aquilo com que eu vos poderia assistir, já ofereci a Deus, não está mais obrigado a honrar seu pai ou sua mãe;
e assim, por causa da vossa tradição, tornastes nulo o Mandamento de Deus.

(Mateus 15:1-6)


Não terás outros deuses diante de mim.
Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
Não te prostrarás diante delas e não lhes prestarás culto. Eu sou o Senhor, teu Deus, um Deus Zeloso que vingo a iniquidade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem.
Mas uso de misericórdia até a milésima geração com aqueles que me amam e guardam os Meus Mandamentos.
Não tomarás o Nome do Senhor, teu Deus, em vão; porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o Seu Nome em vão.

(Êxodo 20:3-7)


Eu sou o Senhor; este é o Meu Nome; a minha glória, pois, a outrem não darei nem o meu louvor, às imagens de escultura.

(Isaías 42:8)


“Hipócritas, bem profetizou Isaías a vosso respeito, dizendo:
Este povo honra-me com os seus lábios, mas o seu coração está longe de mim.

Em vão, pois, me honram, ensinando doutrinas e mandamentos que vêm dos homens.”
E chamando a si a multidão, disse-lhes: “Ouvi e entendei:
Não é aquilo que entra pela boca, que mancha o homem, mas aquilo que sai da boca, isto é que torna imundo o homem.”

(Mateus 15:7-11)


Porque o ouvido prova as palavras como o paladar a comida.

(Jó 34:3) Eliú


Aproximando-se os seus discípulos, lhe disseram: “Sabes que os fariseus, ouvindo essas palavras, se escandalizaram?”
Mas ele, respondendo, lhes disse: “Toda planta que meu Pai celeste não plantou, será arrancada pela raiz.
Deixai-os: são cegos e condutores de cegos. E se um cego a outro guia, ambos vêm a cair no barranco.”
E Pedro tomando a palavra, disse-lhe: “Explica-nos esta parábola.”
Jesus, porém, disse: “Até vós mesmos estais ainda sem entender?
Ainda não compreendeis que tudo o que entra pela boca desce para o ventre e é lançado fora?
Mas as coisas que saem da boca vêm do coração e estas tornam o homem imundo.
Do coração procedem os maus pensamentos os assassínios, os adultérios, as prostituições, os roubos, os falsos testemunhos e as blasfêmias.
Eis o que torna o homem impuro; mas comer sem lavar as mãos não torna o homem impuro.”

(Mateus 15:12-20)


E proferirá palavras contra o Altíssimo, e destruirá os santos do Altíssimo, e cuidará em mudar os tempos e a Lei...

(Daniel 7:25a)


E, partindo Jesus dali, foi para as partes de Tiro e de Sidom.
Eis que uma mulher Cananéia, vindo dos arredores, clamava, dizendo-lhe: “Tem compaixão de mim, Senhor, Filho de Davi! Minha filha é cruelmente atormentada pelo demônio.”
Jesus não lhe respondeu palavra alguma. Seus discípulos vieram a ele e lhe disseram com insistência: “Despede-a, ela nos persegue com seus gritos.”
E ele, respondendo, disse: “Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel.”
Mas a mulher veio prostrar-se diante dele, dizendo: “Socorre-me, Senhor.”
Ele, respondendo, lhe disse: “Não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cães.”
Porém ela replicou: “Assim é, Senhor, mas também os cãezinhos comem das migalhas que caem da mesa de seus donos.”
Então Jesus lhe respondeu: “Ó mulher, é grande a tua fé! Seja-te feito conforme queres.” Nesse mesmo instante ficou curada a sua filha.
Partindo Jesus dali, chegou ao pé do mar da Galiléia e, subindo a um monte, assentou-se lá.
Então numerosa multidão aproximou-se dele, trazendo consigo mudos, cegos, coxos, aleijados e muitos outros enfermos. Puseram-nos aos seus pés e ele os curou.
De sorte que as multidões ficaram maravilhadas ao ver os mudos falando, os aleijados curados, os coxos andando os cegos com vista. E davam glória ao Deus de Israel.

(Mateus 15:21-31)


Vede que ninguém vos engane com falsas e vãs filosofias, fundadas nas tradições humanas, nos elementos do mundo, e não em Cristo.

(Colossenses 2:8) Paulo


Naqueles dias, quando outra vez se reuniu grande multidão, e não tendo eles o que comer, chamou Jesus os seus discípulos e disse:
"Tenho compaixão deste povo, porque eis que há já três dias me segue, e não tem o que comer,
e se os despedir em jejum, para suas casas, virão a desfalecer no caminho, porque alguns deles vieram de longe."
E os seus discípulos responderam-lhe: "Donde poderá alguém satisfazê-los de pão aqui no deserto?"
E Jesus perguntou: "Quantos pães tendes?" Responderam-lhe eles: "Sete."
Ordenou então ao povo que se assentasse no chão. E tomando os sete pães, deu graças, partiu-os e ia-os dando a seus discípulos, para que os distribuíssem. E distribuíram ao povo.
Tinham também uns poucos peixinhos; e, tendo dado graças, ordenou que também lhos pusessem diante.
Comeram e ficaram fartos, e dos pedaços que sobraram levantaram sete cestos.
Ora, os que comeram eram cerca de quatro mil pessoas. Em seguida, Jesus os despediu.
Logo em seguida, subindo na barca com seus discípulos, dirigiu-se para a região de Dalmanuta.
Vieram os fariseus e puseram-se a disputar com ele e pediram-lhe um sinal do céu, para pô-lo à prova.
E, suspirando profundamente em seu espírito, disse: "Por que pede esta geração um sinal? Em verdade vos digo que a esta geração não se dará sinal algum."

Deixando-os, subiu de novo na barca e foi para a outra margem.
Os discípulos haviam-se esquecidos de levar pão, e não tinham consigo na barca a não ser um único pão.
E ele os advertia dizendo: "Vede: cuidado com o fermento dos fariseus e o fermento de Herodes!"

(Marcos 8:1-15)


Guardai, pois a Festa dos Pães Asmos, porque naquele mesmo dia tirei vossos exércitos da terra do Egito; pelo que guardareis este dia nas vossas gerações por estatuto perpétuo.
No primeiro mês, desde a tarde do décimo quarto dia do mês até a tarde do vigésimo primeiro, comereis pães sem fermento.
Durante sete dias não se achará fermento em vossas casas; todo o que comer pão fermentado, perecerá aquela alma do meio do ajuntamento de Israel, quer ele seja estrangeiro, quer natural do país.
Não comereis nada fermentado, em todas as vossas habitações comereis pães asmos.

(Êxodo 12:17-20)


E, no primeiro dia da Festa dos Pães Asmos, quando sacrificavam a Páscoa, disseram-lhe os discípulos: "Aonde queres que vamos fazer os preparativos para comer a Páscoa?"
Então ele enviou dois de seus discípulos e disse-lhes: "Ide à cidade, e encontrareis um homem levando uma bilha de água; ide atrás dele,
e, onde quer que entrar, dizei ao Senhor da casa: O Mestre diz: Onde está o aposento em que hei de comer a Páscoa com os meus discípulos?
E ele vos mostrará uma grande sala no andar superior, mobiliada e pronta. Fazei ali os preparativos."
E saindo os seus discípulos, foram à cidade, e acharam como lhes tinha dito, e prepararam a Páscoa.
Chegando a tarde, dirigiu-se ele para lá com os doze.
E quando eles estavam à mesa, e ceavam, disse-lhes Jesus: "Em verdade eu vos digo que um de vós que está a comer comigo, me há de trair."
E eles começaram a entristecer-se e a dizer um após outro: "Porventura, sou eu, Senhor?" E outro: "Porventura, sou eu, Senhor?"
Mas ele, respondendo, disse-lhes: "É um dos doze, que mete comigo a mão no prato.
Na verdade o Filho do Homem vai, como dele está escrito, mas ai daquele homem por quem o Filho do Homem é traído! Bom seria para o tal homem não haver nascido."
Enquanto comiam, Jesus tomou o pão, e, dada a bênção, partiu e deu a eles, dizendo: "Tomai: isto é o meu Corpo."

(Marcos 14:12-22)


... e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)


E, tomando o cálice e dando graças, deu-lho; e todos beberam dele.
E disse-lhes: "Isto é o meu sangue, o sangue, da NOVA ALIANÇA, que será derramado por muitos.
Em verdade vos digo; já não beberei do fruto da videira, até aquele dia em que o beberei de novo no Reino de Deus."

(Marcos 14:23-25)


E, ao terceiro dia, fizeram-se umas BODAS em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus.
E foram também convidados Jesus e os seus discípulos para as BODAS.
E, faltando o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: "Não tem vinho."
Disse-lhe Jesus: "Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora."

(João 2:1-4)


Mas tenho contra ti o tolerares que Jezabel, mulher que se diz profetiza; ensine e engane os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria.

(Apocalipse 2:20)


E disse outra vez: "A que direi que o Reino de Deus é semelhante?
É semelhante ao fermento que uma mulher toma e mistura em três medidas de farinha, até que esta fique toda fermentada."
Sempre em caminho para Jerusalém, Jesus ia atravessando cidades e aldeias e nelas ensinava.
E perguntou-lhe alguém: "Senhor, então são poucos os que se salvam?" E ele lhes disse:
"Esforçai-vos por entrar pela porta estreita, porque vos digo que muitos procurarão entrar e não conseguirão.
Uma vez que o dono da casa se levante e feche a porta, ficareis fora e batereis dizendo: Abre-nos, Senhor! Mas ele responderá: Não sei donde sois.
Então começareis a dizer: Somos aqueles que em tua presença comemos e bebemos, e a quem tu ensinaste nas nossas praças.
E ele vos responderá: Digo-vos que não sei de onde vós sois; apartai-vos de mim, vós todos os que praticais a iniquidade.
Ali haverá choro e ranger dos dentes, quando virdes que Abraão, Isaac, Jacó, e todos os profetas estão no Reino de Deus, que vós ficais fora excluídos dele.
Virão muitos do oriente, do ocidente, do norte, do sul, e se sentarão à mesa no Reino de Deus.
E então os que são os últimos serão os primeiros, e os que são os primeiros serão os últimos."
No mesmo dia chegaram alguns dos fariseus a Jesus, dizendo-lhe: "Sai, e vai-te daqui, porque Herodes te quer matar."
E lhes respondeu: "Ide e dizei àquela raposa: eis que eu expulso demônios, e efetuo curas, hoje e amanhã, e, no terceiro dia, sou consumado.
Importa, porém, caminhar hoje, amanhã e no dia seguinte, para que não suceda que morra um profeta fora de Jerusalém.
Jerusalém, Jerusalém,
que matas os profetas e apedrejas aqueles que te são enviados! Quantas vezes eu quis juntar os teus filhos como a galinha a sua ninhada debaixo das asas, e não quisestes!
Eis que vos será deixada deserta a vossa casa. E digo-vos que não me vereis até que venha o tempo em que digais: Bendito o que vem em Nome do Senhor."

(Lucas 13:20-35)


... e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)


... na noite em que foi traído, tomou o pão.
E, dando graças, o partiu e disse: "Tomai e comei; isto é o meu corpo, que será entregue por vós; fazei isto em memória de mim."
Do mesmo modo, depois de haver ceado, tomou também o cálice, dizendo: "Este cálice é a NOVA ALIANÇA no meu sangue; todas as vezes que o beberdes, fazei-o em memória de mim."
Assim todas as vezes que comeis deste pão e bebeis desse cálice lembrais a morte do Senhor, até que venha.
Portanto, todo aquele que comer deste pão ou beber do cálice do Senhor indignamente, será réu do Corpo e do Sangue do Senhor.
Portanto, cada um examine a si mesmo antes de comer deste pão e beber deste cálice,
porque todo aquele que o come e bebe indignamente, come e bebe para si a condenação, não distinguindo o Corpo do Senhor.

(1Coríntios 11:23-29) Paulo


Eis que vem o tempo, diz o Senhor, em que eu enviarei fome sobre a Terra; não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir a Palavra do Senhor.
Andarão errantes de um mar a outro, vaguearão do norte ao oriente; correrão por toda a parte buscando a Palavra do Senhor, e não a encontrarão.

(Amós 8:11-12)


E eles discorriam entre si porque não tinham pão.
Conhecendo isto Jesus, disse-lhes: "Por que estais vós a discutir que não tendes pão? Ainda não refletistes nem entendestes? Ainda tendes o vosso coração obcecado?
Tendo olhos não vedes, e tendo ouvidos, não ouvis?
Já não vos recordais?
Quando dividi cinco pães por cinco mil homens, quantos cestos levantastes cheios de pedaços?" Eles responderam: "Doze."
E quando dividi sete pães entre quatro mil, quantos cestos levantastes de pedaços?" Responderam: "Sete."
E ele lhes disse: "Como não entendeis ainda?"
Chegando a Betsaida, trouxeram-lhe um cego, e suplicavam-lhe que o tocasse.
E, tomando o cego pela mão, levou-o para fora da aldeia; e, cuspindo-lhe nos olhos e impondo-lhe as mãos, perguntou-lhe se via alguma coisa.
Ele levantando os olhos disse: “Vejo os homens que me parecem árvores que andam.”

(Marcos 8:16-24)


Porque o Senhor dá a sabedoria, e da sua boca vem o conhecimento e o entendimento.

(Provérbios 2:6) Salomão


Depois impôs-lhe novamente as mãos sobre os olhos; ele começou a ver claramente, ficou curado e distinguia tudo, nitidamente, de longe.
Então Jesus mandou-o para sua casa, dizendo: “Não entres na aldeia.”

(Marcos 8:25-26)


Bem aventurado o varão que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
Antes tem o seu prazer na Lei do Senhor, e na sua Lei medita de dia e de noite.
Pois será como árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria, e cujas folhas não caem, e tudo quanto fizer prosperará.
Os ímpios não são assim! Mas são como a palha que o vento leva.
Pelo que os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos.
Porque o Senhor vela pelo caminho dos justos, ao passo que o dos ímpios leva à perdição.

(Salmos 1)


Jesus partiu com os discípulos para as aldeias de Cesaréia de Filipe. No caminho, fez-lhe esta pergunta: "Quem dizem os homens que eu sou?"
Eles lhe responderam, dizendo: "Uns dizem que João Batista; outros que Elias, e outros que um dos profetas."
Então lhes perguntou: "E vós, quem dizeis que eu sou?" Respondendo Pedro, disse-lhe: "TU ÉS O CRISTO!"

(Marcos 8:27-29)


Jesus lhe respondeu: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim."

(João 14:6) Jesus


... e tinha um nome escrito que ninguém sabia, senão ele mesmo.
E estava vestido de uma veste salpicada de sangue, e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:12b-13)


Ordenou-lhes, então, que não dissessem isto a ninguém.
Então, começou ele a ensinar-lhes que era necessário que o filho do homem sofresse muitas coisas, fosse rejeitado pelos anciões, pelos principais sacerdotes e pelos escribas, fosse morto e que, depois de três dias ressuscitasse.
E falava-lhes abertamente dessas coisas. Pedro, tomando-o à parte, começou a repreendê-lo.
Mas ele, virando-se e olhando para os seus discípulos, repreendeu a Pedro, dizendo: "Retira-te de diante de mim, Satanás; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas as que são dos homens."

(Marcos 8:30-33)


A quem me assemelhastes vós, e igualastes, e comparastes, e fizestes parecido?
Vós que tirais o ouro do vosso saquitel e pesais a prata na balança, que justais com um ourives para que faça um deus, diante do qual se prostre o povo e o adore.
Levam-no às costas, colocam-no seu nicho, e ele ali fica sem se mover do seu lugar; e ainda, quando clamarem para ele, não ouvirá, nem os salvará da tribulação.
Lembrai-vos disto, envergonhai-vos, entrai em vós mesmos, ó prevaricadores.

(Isaías 46:5-8)


E, chamando a si a multidão, com os seus discípulos, disse-lhes: "Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me.
Pois, quem quiser salvar a própria vida, a perderá. E quem perder a própria vida por causa de mim e do Evangelho, a salvará.
Pois que aproveitará ao homem ganhar o mundo inteiro se perder a sua alma?
Ou que daria o homem pelo resgate da sua alma?
Porquanto qualquer que, entre esta geração adúltera e pecadora, se envergonhar de mim e das Minhas Palavras, também o Filho do Homem se envergonhará dele, quando vier na glória de seu Pai, com os santos anjos.

(Marcos 8:34-38)



Jesus e Moisés >>
Menu
Menu Principal
<< A Palavra de Deus se fez Homem

^