PRODUZI, POIS, FRUTOS DIGNOS DE ARREPENDIMENTO.
(Mateus 3:8) João Batista


  • É possível voltar para Deus
  • Deus quer frutos de arrependimento
  • Os que se julgam salvos são mais difíceis de se arrependerem
  • A humildade do arrependimento é necessário para a salvação



No princípio, era o VERBO, e o VERBO estava com Deus, e o VERBO ERA DEUS.
Ele estava no princípio junto de Deus.

(João 1:1-2)


E o VERBO se fez homem e habitou entre nós...

(João 1:14a)


Disse-lhes JESUS: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim."

(João 14:6)


... e o NOME pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)


Observai, pois, todas as ordens do Senhor, Vosso Deus; não vos aparteis delas nem para a direita nem para a esquerda.
Seguireis exatamente o caminho que o Senhor, Vosso Deus, vos traçou, a fim de que vivais e sejais felizes, e vossos dias se prolonguem na terra que ides possuir.

(Deuteronômio 5:32-33)


Bem aventurados os que trilham caminhos retos e andam na Lei do Senhor.
Bem aventurados os que guardam os seus testemunhos e o buscam de todo o coração.

(Salmos (118)119:1-2)


E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia
e dizendo: "Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos Céus."
Porque este é aquele de quem falou o profeta Isaías quando disse: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.
Ele, João, tinha a sua veste feita de pelos de camelo, e um cinto de couro em volta dos rins; e o seu alimento era gafanhotos e mel silvestre.
Iam ter com ele Jerusalém e toda a Judéia, e todas as vizinhanças do Jordão.
Confessavam seus pecados e eram batizados por ele nas águas do Jordão.
E ele, vendo que muitos dentre os fariseus e saduceus iam ao seu Batismo, dizia-lhes: "Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que há de vir?
Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento

e não vos iludais a vós mesmos, dizendo: Temos por pai a Abraão! Porque vos digo que Deus pode suscitar, destas pedras, filhos de Abraão.

(Mateus 3:1-9)


Bem aventurado o varão que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
Antes tem o seu prazer na Lei do Senhor, e na sua Lei medita de dia e de noite.
Pois será como árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria, e cujas folhas não caem, e tudo quanto fizer prosperará.
Os ímpios não são assim! Mas são como a palha que o vento leva.
Pelo que os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos.
Porque o Senhor vela pelo caminho dos justos, ao passo que o dos ímpios leva à perdição.

(Salmos 1)


E também, agora, está posto o machado à raiz das árvores; toda árvore, pois que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo.
E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; não sou digno de levar as suas sandálias; ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo.
Ele tem a pá na sua mão, limpará bem a sua eira e recolherá o seu trigo no celeiro, mas queimará a palha num fogo inextinguível."

Então, veio Jesus da Galiléia ter com João junto do Jordão, para ser batizado por ele.
Mas João opunha-se-lhe, dizendo: "Sou eu que devo ser batizado por ti, e tu vens a mim?"
Jesus, contudo, respondeu-lhe: "Deixa por enquanto, pois convém que cumpramos assim toda a justiça." Então lhe permitiu.
Depois que Jesus foi batizado, saiu logo da água. Eis que os céus se abriram e viu descer sobre ele, em forma de pomba, o Espírito de Deus.
E eis que uma voz dos céus dizia: “Este é o Meu Filho amado, em quem me comprazo.”

(Mateus 3:10-17)


... e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus.

(Apocalipse 19:13b)


E entrou Jesus no Templo de Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no Templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas.
E disse-lhes: "Está escrito: A minha casa é casa de oração, e vós fazeis dela um covil de ladrões."
No Templo, aproximaram-se dele cegos e aleijados. E ele os curou.
Porém, os grandes sacerdotes e os escribas, vendo as maravilhas que ele fazia, e os meninos no Templo a gritar e a dizer: "Hosana ao Filho de Davi!" - indignaram-se
e disseram-lhe: "Ouves o que estes dizem?" E Jesus lhes disse: "Sim; nunca lestes: Pela boca dos meninos e das criancinhas tiraste o perfeito louvor?"
Deixando-os, retirou-se Jesus para fora da cidade, indo a Betânia, onde passou a noite.
Pela manhã, ao voltar para a cidade, teve fome.
Vendo uma figueira junto do caminho, aproximou-se dela. Não encontrou senão folhas. E lhe disse: "Nunca jamais nasça fruto de ti!" No mesmo instante secou-se a figueira.
E os discípulos, vendo isso, maravilharam-se, dizendo: "Como secou imediatamente a figueira?"
Respondendo Jesus, disse-lhes: "Na verdade vos digo que, se tiverdes fé, e não duvidardes, não só fareis o que foi feito a esta figueira, mas ainda se disserdes a este monte: Sai daí, e lança-te no mar, assim se fará.
E tudo o que pedirdes com fé na oração o recebereis."
Tendo ido ao Templo, chegaram-se a ele os grandes sacerdotes e os anciãos do povo, enquanto ele estava ensinando. E lhe disseram: "Com que autoridade fazes tais coisas? Quem te deu esse poder?"
Respondendo, Jesus disse-lhes: "Também tenho uma pergunta a vos fazer. Se me responderdes a ela, então vos direi com que autoridade faço tais coisas.
De onde era o Batismo de João? Do céu ou dos homens?" Eles refletiam cada um em si mesmo: "Se dissermos que era do céu, ele nos dirá: Então porque não crestes nele?
E se dissermos que era dos homens, temos receio do povo, porque todos consideram João como um profeta."
Respondendo a Jesus, disseram: "Não sabemos." Disse-lhes também ele: "Pois então, nem eu vos digo com que autoridade faço tais coisas."
Mas que vos parece? Um homem tinha dois filhos e, dirigindo-se ao primeiro, disse: "Filho, vai trabalhar na minha vinha."
Mas ele respondeu: "Não quero." Mais tarde, porém, arrependeu-se e foi.
Dirigindo-se ao segundo, falou-lhe do mesmo modo, e ele respondeu: "Vou sim, senhor;" mas não foi.
Qual dos dois fez a vontade do pai?" Disseram-lhe eles: "O primeiro." Disse-lhes Jesus: "Em verdade vos digo que os publicanos e as meretrizes entram adiante de vós no Reino de Deus,
porque João veio a vós no caminho da justiça, e não crestes nele. Vós, porém, depois de verdes isso, nem ainda assim vos arrependestes para crerdes nele."
"Escutai esta parábola: Havia um pai de família que plantou uma vinha e a circundou com uma cerca viva, e cavou nela um lagar, e edificou uma torre, e arredou-a para uns lavradores. E partiu para longe.
Estando próximo o tempo dos frutos, enviou seus servos aos lavradores, para receberem seus frutos.
Mas os lavradores, lançando a mão aos servos dele, feriram uns, mataram outros, e a outros apedrejaram.
Depois, enviou outros servos, em maior número do que os primeiros; e eles fizeram-lhes o mesmo.
Finalmente, enviou-lhes o seu próprio filho, dizendo: Hão de respeitar o meu filho.
Mas os lavradores, vendo o filho, disseram entre si: Este é o herdeiro; vinde, matemo-lo e apoderemo-nos da sua herança.
E o prenderam, o lançaram fora da vinha, e o mataram.
Quando, pois, vier o Senhor da vinha, que fará àqueles lavradores?"
Disseram-lhes eles: "Dará afrontosa morte aos maus e arrendará a vinha a outros lavradores, que, a seu tempo dêem os frutos."
Diz-lhes Jesus: "Nunca lestes nas Escrituras: A pedra que os edificadores rejeitaram, essa foi posta em pedra angular? Isto é obra do Senhor e é admirável aos nossos olhos?
Por isso vos digo: ser-vos-á tirado o Reino de Deus, e será dado a um povo que produzirá os frutos dele.
Quem cair sobre esta pedra, ficará despedaçado; aquele sobre quem ela cair, ficará esmagado."

Os grandes sacerdotes e os fariseus, depois de ouvirem as suas parábolas, compreenderam que deles é que Jesus falava.
E querendo prendê-lo, tiveram medo do povo, porque o tinha como um profeta.

(Mateus 21:12-46)


... Mas não olhais para aquele que quis estas coisas, e não vedes aquele que os preparou já de há muito.

(Isaías 22:11b)


Quando pois, vierem sobre ti todas estas coisas, a bênção, ou a maldição, que eu pus diante de ti, e tu, tocado de arrependimento no teu coração no meio de todas as nações, entre as quais o Senhor, teu Deus, te tiver espalhado,
voltares para ele, e obedecerdes aos seus Mandamentos, tu e os teus filhos, com todo o teu coração, com toda a tua alma, como eu hoje te ordeno,
então o Senhor, teu Deus, reconduzirá teus cativos e terá piedade de ti, e te ajuntará de novo do meio das nações entre as quais te houver espalhado.
Ainda que os teus exilados se encontrassem na extremidade dos céus, dali te tiraria o Senhor, teu Deus, e ali mesmo iria ele buscar-te.
O Senhor, teu Deus, te reconduzirá à terra que possuíam os teus pais e te dará a sua possessão. E far-te-á prosperar e multiplicar mais que os teus pais.
O Senhor, teu Deus, circuncidará a teu coração, e o coração da tua descendência, para que ames o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração e de toda a tua alma, a fim de que possas viver.
E o Senhor, teu Deus, porá todas estas maldições sobre os teus inimigos e sobre os teus aborrecedores, que te perseguiram.
Converter-te-ás, pois, e darás ouvidos à voz do Senhor; farás todos os seus Mandamentos, que hoje te ordeno.
E o Senhor, teu Deus, te encherá de bens em todas as obras das tuas mãos, no fruto do teu ventre, no fruto dos teus gados, na fecundidade da tua terra e na abundância de todas as coisas. Porque o Senhor se comprazerá de novo em fazer-te feliz, como se comprazia no tempo de seus pais,
contanto que obedeças à voz do Senhor, teu Deus, observando seus Mandamentos e seus preceitos escritos neste Livro da Lei, e que voltes para o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração e de toda a tua alma.

(Deuteronômio 30:1-10)


E darei poder às minhas duas testemunhas, e profetizarão por mil duzentos e sessenta dias, vestidas de pano de saco.

(Apocalipse 11:3)


O Senhor Deus dos Exércitos convidar-vos-á naquele dia ao gemido, ao pranto, a rapar a cabeça e a vestir-se de saco;
e eis que tudo se destina à alegria e ao prazer; matam bois, degolam carneiros, comem carne e bebem vinho: "Comamos e bebamos, porque amanhã morreremos!"
Porém o Senhor dos Exércitos revelou-me: "Jamais este crime será perdoado sem que sejais mortos." Oráculo do Senhor, Deus dos Exércitos.

(Isaías 22:12-14)


Eu repreendo e castigo aqueles que amo. Reanima, pois, o teu zelo e arrepende-te:
Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei, e ele, comigo.
Ao que vencer, lhe concederei que se assente comigo no meu trono, assim como eu venci e me assentei com meu Pai no seu trono.
Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas.

(Apocalipse 3:19-22) Jesus


Por que, então, quando eu venho, não encontro ninguém, e quando eu chamo, ninguém responde? Será que minha mão ficou tão curta que eu não posso libertar? Ou será que já não tenho mais força para salvar?...

(Isaías 50:2a)


... Isto diz o Senhor: Porventura o que cai não se levantará? E o que se desviou não voltará?

(Jeremias 8:4b)


Lembra-te, pois, donde caíste, arrepende-te...

(Apocalipse 2:5a) Jesus


Converte-te, ó Israel, ao Senhor, teu Deus; porque, pelos teus pecados, tens caído.
Muni-vos de palavras e voltai ao Senhor. Dizei-lhe: "Perdoai todos os nossos pecados, acolhei-nos favoravelmente. Queremos oferecer em sacrifício a homenagem de nossos lábios."

(Oséias 14:1-2)


... Volta, ó rebelde Israel, diz o Senhor, e não farei cair a minha ira sobre vós, porque benigno sou, diz o Senhor, e a minha ira não durará eternamente.
Reconhece apenas a tua falta; foste infiel ao Senhor, teu Deus...

(Jeremias 3:12b-13a)


Jerusalém, limpa o coração da maldade, a fim de que consigas a salvação. Até quando abrigarás no coração pensamentos que são funestos?

(Jeremias 4:14b)


Emenda-te Jerusalém, para que não suceda que a minha alma se aparte de ti, e que eu te reduza a um deserto, a uma terra inabitada.

(Jeremias 6:8)


E por que não julgais também por vós mesmos o que é justo?
Ora, quando fores com o teu adversário ao magistrado, faze o possível para entrar em acordo com ele pelo caminho, a fim de que ele te não arraste ao juiz, e o juiz te entregue ao executor, e o executor te ponha na prisão.
Digo-te que não sairás dali enquanto não pagares o derradeiro ceitil.

(Lucas 12:57-59) Jesus


Tu, pois, converte-te a teu Deus; guarda a misericórdia e a justiça, e espera sempre no teu Deus.

(Oséias 12:6(7)


Semeai para vós em justiça, ceifai segundo a misericórdia; lavrai o campo de lavoura; porque é tempo de buscar o Senhor, até que venha, e chova a justiça sobre vós.

(Oséias 10:12)


... Lavrai para vós o campo de lavoura e não semeeis entre espinhos.
Circuncidai-vos em honra do Senhor, tirai os prepúcios de vossos corações, para que a minha indignação não venha a sair como fogo e arda de modo que não haja quem a apague, por causa da malícia das vossas obras.

(Jeremias 4:3b-4)


Buscai o bem e não o mal, e vivereis; e o Senhor Deus dos Exércitos estará convosco, como o dizeis.
Detestai o mal, amai o bem, fazei reinar a justiça nas vossas assembléias; talvez então o Senhor, o Deus dos Exércitos, tenha piedade do que resta de José.

(Amós 5:14-15)


Quando o povo de Judá compreender todo o mal que lhe pretendo fazer, talvez cada um se afaste de seu perverso caminho, de sorte que eu lhes possa perdoar as iniquidades e os pecados.

(Jeremias 36:3)


A ver se eles se prostram, orando diante do Senhor, e se converte cada um do seu caminho péssimo; porque grande é a ira e o furor que o Senhor tem manifestado contra este povo.

(Jeremias 36:7)


Voltai, pois, filhos de Israel, àquele de quem estais tão profundamente separados.
Naquele dia cada um lançará fora seus ídolos de prata e seus ídolos de ouro, obras de vossas mãos criminosas.

(Isaías 31:6-7)


Quem temeste tu, de quem tiveste receio, para me seres infiel, para me apagares da tua memória, para não refletires no teu coração?
Pois bem, vou mostrar o que vale a tua justiça e tuas obras! Elas não te servirão de coisa alguma, quando pedires socorro.
E não te salvarão teus ídolos todos serão levados pelo vento. Um sopro os carregará. Aquele porém, que contar comigo herdará a Terra e possuirá meu Monte Santo.
E direi: Abri caminho, dai lugar, desviai-vos da vereda, tirai os tropeços do caminho do meu povo.
Porque assim diz o alto e Sublime, que habita na eternidade e cujo Nome é Santo: Em um alto e santo lugar habito e também com o contrito e abatido espírito, para vivificar o espírito dos abatidos e para vivificar o coração dos contritos.
Porque para sempre não contenderei, nem continuamente me indignarei; porque o espírito perante a minha face se enfraqueceria, e as almas que eu fiz.

Por causa do crime do meu povo me irritei um momento; feri-o, dando-lhe as costas na minha indignação, enquanto o rebelde agia segundo a sua fantasia.
Eu vejo os seus caminhos e os sararei; também os guiarei e lhes tornarei a dar consolações e aos seus pranteadores.
Vou fazer assomar aos lábios dos aflitos a ação de graças. Paz, paz àquele que está longe e àquele que está perto.
Os ímpios, porém, são como um mar agitado, que não pode acalmar, e cujas ondas se elevam, para produzir lodo e lama.
Não há paz para os ímpios, diz o Senhor Deus.

(Isaías 57:11-21)


Assim diz Javé: O céu é o meu trono e a Terra é o apoio para meus pés. Que casa poderíeis construir-me, que lugar poderíeis indicar-me para moradia?
Fui eu quem fez o universo, e tudo o que pertence, declara o Senhor. Mas eis para quem olharei: para o pobre e abatido de espírito e que treme diante da Minha Palavra.

(Isaías 66:1-2)


Converte-te ao Senhor, e deixa os teus pecados;
suplica ante a face do Senhor, e diminui as tuas ofensas.
Volte para o Altíssimo, vire as costas para a injustiça e deteste profundamente aquilo que ele abomina.

(Eclesiástico 17:21-23)


O Senhor tem estado em extremo desgostoso com vossos pais.
Portanto, dize-lhes: Assim diz o Senhor dos Exércitos: Tornai para mim, diz o Senhor dos Exércitos, e eu tornarei para vós, diz o Senhor dos Exércitos.
E não sejais como vossos pais, aos quais clamavam os primeiros profetas, dizendo: Assim diz o Senhor dos Exércitos: Convertei-vos, agora, dos vossos maus caminhos e das vossas más obras. Mas não ouviram, nem me escutaram, diz o Senhor.
Vossos pais, onde estão eles? E os profetas, viverão eles para sempre?
Pois Minhas Palavras e minhas ordens dadas aos profetas meus servos porventura não atingiram elas vossos pais, por isso vossos pais caíram em si mesmos e, confusos, confessaram: O Senhor dos Exércitos tratou-nos como tinha resolvido proceder conosco, segundo o nosso proceder e as nossas obras."

(Zacarias 1:2-6)


Ainda assim, agora mesmo diz o Senhor: Convertei-vos a mim de todo o vosso coração; e isso com jejuns, e com choro, e com pranto.
E rasgai o vosso coração, e não as vossas vestes, e convertei-vos ao Senhor, Vosso Deus; porque ele é benigno e compassivo, paciente e de muita misericórdia, e inclinado a suspender o castigo.
Quem sabe se ele mudará de parecer e voltará atrás, deixando após si uma bênção, ofertas e libações para o Senhor, Vosso Deus?
Tocai a trombeta em Sião, ordenai um jejum sagrado, convocai uma assembléia.
Reúnam o povo, organizem a comunidade, chamem os velhos, reúnam os jovens e crianças de peito. O jovem esposo saia do quarto, a jovem esposa deixe o seu leito.
Chorem os sacerdotes, ministros do Senhor, postos entre o vestíbulo e o altar, e digam: Perdoa, Senhor, perdoa ao teu povo, e não deixes cair a tua herança em opróbrio, de sorte que as nações a dominem; porque os povos diriam: Onde está o Deus deles?
O Senhor olhou com amor ardente a sua terra e perdoou ao seu povo.

(Joel 2:12-18)


Se voltares, ó Israel, diz o Senhor, para mim voltarás; e, se tirares as tuas abominações de diante de mim, não andarás mais vagueando.
E jurarás: Vive o Senhor, na verdade, no juízo e na justiça; e nele se bendirão as nações e nele se gloriarão.

(Jeremias 4:1-2)



Página 2 >>
Menu
Menu Principal
<< O Monte Sião

^